PUBLICIDADE
Topo

Simony entra com ação contra Dudu Camargo por importunação sexual

Daniel Palomares

do UOL, em São Paulo

02/03/2020 15h03

Resumo da notícia

  • Simony entrou com representação judicial contra Dudu Camargo por importunação sexual
  • Polícia Civil deve instaurar inquérito nesta semana e enviar caso ao Ministério Público
  • Simony teve os seios apalpados por Dudu durante transmissão dos Bastidores do Carnaval na RedeTV!

Simony entrou com uma representação judicial contra o apresentador do SBT Dudu Camargo por importunação sexual. Procurada pelo UOL, a cantora e apresentadora confirmou que registrou boletim de ocorrência do caso na 4ª Delegacia de Defesa da Mulher de São Paulo.

A artista teve o seio apalpado pelo apresentador durante a cobertura do Carnaval da Rede TV!. A Polícia Civil de São Paulo deve instaurar um inquérito para apurar o caso ainda nesta semana. Após a investigação, a delegada responsável deve enviar o caso ao Ministério Público, que decidirá se Dudu Camargo será denunciado ou não.

Simony foi apalpada ao vivo por Dudu Camargo, pupilo de Silvio Santos, durante o programa "Bastidores do Carnaval", da RedeTV!. O apresentador passou a mão nos seios da cantora sem o consentimento dela, que comandava a atração ao lado de Nelson Rubens.

Durante a entrevista, Dudu Camargo elogiou o corpo de Simony e começou a encostar a mão no figurino da apresentadora, aproveitando para apalpar os seios e a região íntima do corpo dela. A cantora, visivelmente incomodada, tentou se afastar, mas o pupilo de Silvio Santos insistiu.

"Olha isso. Tira isso daqui, sai daqui. Esse Dudu é abusado", falou a cantora ao ser tocada por Dudu.

"É assédio", complementou a apresentadora Flavia Noronha.

"Eu estou querendo fazer um filho, eu tô querendo procriar", disse Dudu Camargo para Simony, que tem quatro filhos e retrucou afirmando que não pode nem quer ser mãe novamente.

Em seguida, Dudu Camargo pediu um selinho para Simony e teve seu desejo atendido, mas segurou a apresentadora com força. "É só um selinho e ele quer ficar segurando o pescoço da gente!", reclamou ela.

São Paulo