Se a Copa de 2018 fosse hoje, o Brasil seria
favorito ao título, diz Casagrande
ESPN