PUBLICIDADE
Topo

Solteiro, José Loreto curte Sapucaí e se prepara para viver Sidney Magal

José Loreto curte o Carnaval na Sapucaí - Rafael Godinho/ UOL
José Loreto curte o Carnaval na Sapucaí Imagem: Rafael Godinho/ UOL

Rafael Godinho

Do UOL, no Rio

01/03/2020 07h00

José Loreto parece estar curtindo bem a vida de solteiro. O ator conversou sobre a fase "soltinho" com o UOL no Nosso Camarote, na noite deste sábado (29), no Rio de Janeiro.

"Estou solteiro e feliz. Às vezes, é bom ficar sozinho também. Estou sem pressa de conhecer alguém. Maior terapia da minha vida está sendo ficar solteiro", declara.

Apesar de não ter uma companheira fixa, Zé tem se cercado de amor. "Tenho curtido a família, os amigos, a filhota, que está em uma fase incrível. Se eu pudesse parar no tempo agora, parava", derrete-se.

Antes de aproveitar a folia noturna, o artista saiu para uma matinê com Bella, fruto do seu casamento com Débora Nascimento.

"Levei-a a um bloquinho hoje e ela se mostrou mais animada do que eu. Ela adora. Joga confete. Foi muito bom", conta.

Sidney Magal

Em 2020, Loreto vai se dedicar mais à sétima arte. O ator ficará um tempo sem fazer televisão.

"Vou começar a preparação para o filme do Sidney Magal. Em abril, já começam as filmagens. Começo o ano com muito cinema. Acabei de rodar um outro longa antes do Carnaval também", revela.

'Filmes atrasados'

Apesar de estar envolvido em dois longas nacionais, o galã afirma que o cinema brasileiro vive uma fase complicada no governo do presidente Jair Bolsonaro.

"O cinema está resistindo firme e forte, porque toda burocracia da atual política atrapalha muito. Todos os filmes estão atrasados. Já era pra eu ter rodado o Magal e ter feito uns três filmes, que estão pendurados. Mas a gente não vai deixar de fazer arte", dispara.

Ao ser questionado sobre o que ele acha de Regina Duarte assumindo como secretária especial de Cultura, ele pondera.

"Estou sem expectativas. Não sei nem te responder, porque o momento é de caos. Tomara que melhore. Ela é da classe artística. Espero que pelo menos seja melhor do que o outro", conclui.

Rio de Janeiro