PUBLICIDADE
Topo

Rio de Janeiro

Musas dizem por que Viviane Araújo é a 'rainha das rainhas'

Marcela Ribeiro

Do UOL, no Rio

20/02/2020 04h00

Viviane Araújo é considerada uma das principais sucessoras de Luma de Oliveira e reina absoluta à frente da Acadêmicos do Salgueiro, no Rio, há 12 anos e na Mancha Verde, em São Paulo, há 15. Por conta do seu empenho no Carnaval, Vivi ganhou o título de "rainha das rainhas" e é bastante elogiada pelas beldades de outras escolas.

"Esse nome para mim significa que eu fiz história no Carnaval e principalmente nas escolas em que estou há muitos anos à frente da bateria. Me sinto orgulhosa, é uma forma de reconhecimento. Significa que valeu e ainda vale a pena toda dedicação e amor que tenho pelo samba!", disse Viviane ao UOL.

Dedicada, ela é presente durante o ano todo nos ensaios que acontecem nas quadras das escolas e na rua. Além de ter samba no pé, ainda toca tamborim e é querida pelos membros das escolas e comunidades.

Conversamos com algumas rainhas para entender qual é o diferencial que Viviane tem para ser considerada uma referência para elas na folia..

Viviane Araújo toca tamborim em ensaio na quadra do Salgueiro - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
Viviane Araújo toca tamborim em ensaio na quadra do Salgueiro
Imagem: Reprodução/Instagram

Raíssa de Oliveira - rainha da Beija-Flor

Raíssa de Oliveira, rainha de bateria da Beija-Flor de Nilópolis - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
Raíssa de Oliveira, rainha de bateria da Beija-Flor de Nilópolis
Imagem: Reprodução/Instagram

Experiente, Raíssa está na ativa à frente da escola de Nilópolis há 18 anos. Ela admira a garra e humildade de Viviane e costuma incentivar a união das rainhas de todas as escolas.

"Viviane é maravilhosa, rainha das rainhas mesmo, uma mulher empoderada, que envolve os olhares para ela porque ela tem uma luz que é própria. Cada rainha tem o seu brilho, eu como rainha há 18 anos, ativa pela Beija-Flor, prezo muito pela união, inclusive tenho recebido na minha escola todas elas, essas meninas que tem essa representatividade, essa garra e força."

"A briga mesmo fica no dia da Sapucaí, onde as escolas de samba lutam pelo títulos. Nós somos muito unidas. Luma deixou esse legado de representatividade, de envolvimento com o público. Tento fazer a mesma coisa, pegar cada coisa de uma rainha, a expressão, o samba, o carisma. Cada uma delas tem alguma coisa pra gente pegar, isso é muito bom, muito bonito de se ver. Viviane é uma pessoa de muita luz, humildade, lutou muito para conquistar toda essa notoriedade no Carnaval e no mundo artístico."

Viviane Araújo - Veja fotos da Salgueiro no Desfile das Campeãs - Bruna Prado/UOL - Bruna Prado/UOL
Viviane Araújo no Desfile das Campeãs em 2019
Imagem: Bruna Prado/UOL

Raíssa Machado - rainha da Viradouro

Raíssa Machado, rainha de bateria da Viradouro - Márcio Farias/Divulgação - Márcio Farias/Divulgação
Raíssa Machado, rainha de bateria da Viradouro
Imagem: Márcio Farias/Divulgação

À frente dos ritmistas da Viradouro há sete anos, Raíssa considera Vivi uma referência e acredita que é impossível dissociá-la da Sapucaí.

"Sem dúvida nenhuma a Viviane Araújo é uma grande referência do Carnaval, assim como foram Luma de Oliveira, Monique Evans, Luíza Brunet e Valéria Valenssa, que por muito tempo foram grandes ícones do carnaval e nunca poderão ser esquecidas como rainha de bateria."

"Hoje ela é com certeza a rainha das rainhas. Por mais que hoje ela também esteja se tornando muito reconhecida como atriz, é difícil desassociar a imagem dela no carnaval. Vejo como uma coisa muito automática. E na minha história, em especial, ela terá sempre um cantinho muito especial, porque foi ela que me coroou Rainha de Bateria da Viradouro, que é um dos maiores amores da minha vida."

Viviane Araújo samba com a Mancha Verde no Desfile das Campeões - Mariana Pekin/UOL - Mariana Pekin/UOL
Viviane Araújo samba com a Mancha Verde no Desfile das Campeões em 2019
Imagem: Mariana Pekin/UOL

Savia David - rainha da Unidos de Vila Maria

Savia David é rainha de bateria da Unidos de Vila Maria, escola de samba paulista e musa da Beija-Flor, no Rio - Divulgação - Divulgação
Savia David é rainha de bateria da Unidos de Vila Maria
Imagem: Divulgação

Formada em educação Física e Coach, Savia é rainha da Unidos de Vila Maria há três anos. Sua história com o carnaval começou em 2009. Além de desfilar em São Paulo, ela é musa da Beija-Flor de Nilópolis. A musa destaca a dedicação de Viviane à escola como seu diferencial.

"Não tem como não ser Rainha das Rainhas. Viviane tem uma história muito importante no Carnaval, não só do Rio, acho que do Brasil. Ela é uma grande referência para mim."

"Está sempre muito conectada não só nos ensaios, com todo pavilhão. Conseguiu quebrar a barreira de ser só visto pelo físico e hoje está nas novelas mostrando que podemos ir mais além."

Viviane Araújo participa de ensaio na quadra do Salgueiro no Rio - AgNews/Anderson Borde - AgNews/Anderson Borde
Viviane Araújo participa de ensaio na quadra do Salgueiro no Rio
Imagem: AgNews/Anderson Borde

Camila Silva - rainha do Carnaval 2020

Camila Silva, rainha do Carnaval 2020 - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
Camila Silva, rainha do Carnaval 2020
Imagem: Reprodução/Instagram

Ex-rainha de bateria da Mocidade Independente de Padre Miguel e da Vai-Vai, ela foi eleita esse ano rainha do Carnaval do Rio e diz admirar Viviane Araújo pelo carisma e por reinar no Rio e em São Paulo.

"Ela é sambista, se doa, está sempre nos ensaios, é carismática, tem um carinho dela com o público. Ela tem a história dela no Carnaval, tanto em São Paulo, quanto no Rio de Janeiro."

Desfile das Campeãs - Mancha Verde  - Viviane Araújo - Ricardo Matsukawa/UOL - Ricardo Matsukawa/UOL
Viviane Araújo no desfile da Mancha Verde em 2018
Imagem: Ricardo Matsukawa/UOL

Rio de Janeiro