PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Fortaleza bate o Juventude, e garante vaga inédita na Copa Libertadores

Colaboração para o UOL, em São Paulo

03/12/2021 22h59

Classificação e Jogos

O Fortaleza bateu o Juventude por 1 a 0 na noite de hoje (3), no Castelão, pela 36ª rodada do Brasileirão, e garantiu sua vaga inédita na próxima Copa Libertadores. O gol da vitória e da classificação foi marcado por Valentín Depietri.

O resultado leva o Leão aos 55 pontos, na quinta colocação. Atrás da equipe estão Bragantino, com 53, e Fluminense, com 51, em sexto e sétimo lugares, respectivamente. O Juve tem 43 pontos, ocupando a 15ª posição.

Na segunda-feira (6), pela 37ª rodada, as duas equipes vão jogar fora de casa. O Ju visita o São Paulo, às 19h (horário de Brasília), em confronto direto para se afastar da zona de rebaixamento. Já o Leão, buscando agora garantir a vaga na fase de grupos da Libertadores, encara o Cuiabá na Arena Pantanal, às 20h.

Quem foi bem: Valentín Depietri

Esse teve estrela! Quando o jogo parecia se encaminhar para um empate, o jovem argentino Valentín Depietri entrou na etapa final, e, em sua primeira oportunidade, se aproveitou de falha do goleiro Douglas e marcou o gol da vitória do Fortaleza. Em 15 minutos em campo, foi mais decisivo que seus colegas de ataque do Leão. Foi o primeiro gol do atacante pelo clube, que valeu a classificação inédita à equipe à principal competição da América do Sul.

Quem foi mal: Robson

Artilheiro do Leão no Brasileiro, com dez gols, Robson não colaborou com os ataques dos donos da casa diante do Juve. Ele perdeu duas chances claras de gol: na primeira, finalizou muito mal e mandou para fora; na segunda, parou na defesa de Douglas. Além das chances perdidas, o camisa 7 ainda deu um carrinho duro em Vitor Mendes, que lhe rendeu um cartão amarelo, mas que poderia ter sido de outra cor.

Fortaleza domina jogo, peca na pontaria e vence no fim

O Fortaleza foi dominante do início ao fim da partida, assustando o goleiro Douglas em diversas oportunidades. O que dificultou a vida do Leão foi a falta de pontaria no Castelão: sobraram boas oportunidades, como nos chutes de Robson, duas vezes, Éderson e Osvaldo, que foram para fora ou nas mãos do arqueiro adversário. Somente aos 36 minutos da etapa final, com Depietri, o time de Juan Pablo Vojvoda garantiu os três pontos.

Fechado, Juventude leva perigo, mas sofre com falha da defesa

Se no primeiro tempo o Juventude apenas se fechou para não ser vazado, na etapa final os gaúchos avançaram mais para buscar o gol. Embora tenham finalizado menos, tiveram melhores oportunidades. Primeiro, Sorriso cabeceou para grande defesa de Marcelo Boeck. Na sequência, Ricardo Bueno perdeu uma chance clara, e Vitor Mendes mandou na trave. Ainda houve tempo para William Matheus aproveitar uma sobra na área e encher o pé, mas mandar para fora. A estratégia do ferrolho defensivo parecia dar certo, mas uma falha de Douglas e Vitor Mendes gerou o gol dos donos da casa e estragou os planos da equipe visitante.

Cronologia do jogo

Após um primeiro tempo morno, sem gols, o Fortaleza abriu o placar aos 36 minutos do segundo tempo, com Depietri.

Perto de fechar ótima atuação, Douglas falha no final do jogo

Com o ferrolho do Juventude no Castelão, o goleiro Douglas Friedrich se sobressaiu e foi obrigado a fazer belas defesas, sobretudo na etapa final. Em menos de sete minutos, o arqueiro fez três boas intervenções, a principal delas em chute de Robson, na cara do gol, que parou no arqueiro adversário. No entanto, aos 36 minutos, em uma saída na defesa, saiu jogando mal, chutou com força para Vitor Mendes e praticamente entregou a bola para Depietri, que avançou sozinho e chutou no canto para abrir o placar.

FICHA TÉCNICA

Fortaleza 1 x 0 Juventude

Data: 03/12/2021

Hora: 21h (de Brasília)

Local: Castelão, em Fortaleza (CE)

Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (RJ)

Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (RJ) e Daniel do Espirito Santo Parro (RJ)

Cartões amarelos: Robson (Fortaleza) e Lucas Crispim (Fortaleza)

Cartões vermelhos:

Gols: Valentín Depietri (Fortaleza), aos 36' do 2º tempo.

Fortaleza: Boeck; Tinga, Titi e Jussa; Pikachu, Felipe (Lucas Lima), Ederson, Matheus Vargas (Romarinho) e Lucas Crispim (Osvaldo); David (Depietri) e Robson (Wellington Paulista). Técnico: Juan Pablo Vojvoda.

Juventude: Douglas; Michel, Vitor Mendes, Rafael Forster e William Matheus; Jadson, Dawhan, Castilho (Bruninho) e Wescley (Chico); Sorriso e Ricardo Bueno.. Técnico: Emerson Ávila.

Futebol