PUBLICIDADE

Topo

Alto Astral

Produtividade em baixa: zodíaco revela signos que mais sofrem na quarentena

Home office tem causado exaustão? Entenda o que astrologia diz sobre tema - FG Trade/Getty Images
Home office tem causado exaustão? Entenda o que astrologia diz sobre tema Imagem: FG Trade/Getty Images

Claudia Dias

Colaboração para Universa

11/10/2020 04h00

Um dos efeitos ruins provocados pelo isolamento social, decorrente da pandemia do coronavírus, é a queda da produtividade no trabalho, ao lado da necessidade de lidar com situações de pressão e, principalmente, inéditas.

Afinal, começar a fazer home office praticamente da noite para o dia, sem estrutura adequada, cercada por questões nunca experimentadas antes, só poderia refletir negativamente na performance profissional.

Com maior ou menor intensidade, a verdade é que ninguém tem sobrevivido imune diante desse cenário. Algumas pessoas, porém, encaram a situação de melhor forma que seus colegas.

A seguir, com ajuda da astróloga Sara Koimbra, revelamos como cada signo tem lidado com produtividade, durante a quarentena.

Produtividade dos signos no isolamento

Áries

Cheio de energia, Áries tem um desafio pontual na quarentena: o risco de exceder sua liderança em tudo o que faz, da compra no mercado à escolha dos filmes que a família vai ver. Sem oportunidades para firmar seu poder, quanto mais a quarentena persiste, mais irritado o ariano fica. A necessidade é direcionar essa energia canalizada corretamente - seja para exercícios físicos, música ou algo do tipo - para descarregar a adrenalina e não enlouquecer (ou enlouquecer quem estiver por perto).

Touro

Por ser vulnerável, Touro evita expressar os sentimentos, provocando uma bola de neve com suas emoções, que precisam ser equilibradas de alguma forma. Como gosta muita da terra (não à toa, seu elemento regente), cultivar plantas diferentes em casa e conversar com elas tende a ser uma boa. Se não tiver isso, pode deixar de produzir tanto, profissionalmente falando, e se perder.

Gêmeos

Gêmeos é um dos signos que mais sofrem na quarentena, porque precisa de outras pessoas para socializar. Sendo regido por Mercúrio - considerado o mensageiro do zodíaco -, ter que ficar em um só lugar por muito tempo tende a ser bem difícil para o geminiano, que precisa estar em diferentes locais, de muita estimulação mental, para conseguir se desenvolver. Em casa, as alternativas recaem sobre cursos on-line (para aprender novas habilidades), escrita (aos montes) e redes sociais (bom momento para colocá-las em dia). Manter contato virtual com amigos e familiares e fazer terapia também são úteis para que a falta de comunicação não afete sua produtividade.

Câncer

Eis um signo que não gosta de se sentir bloqueado, porque é fluído e tem iniciativa. Câncer odeia a sensação de estar sendo restringido. Fica bem chateado com isso e demonstra em forma de mau humor e um certo drama. Corre o risco até de ficar deprimido. A estratégia é adotar videochamada, telefonemas, grupos com os amigos mais próximos, tudo para que o canceriano se mantenha nutrido e tenha uma saída para discutir os próprios sentimentos, impedindo que isso afete seu dia a dia profissional.

Leão

Regido pelo Sol, Leão também é um líder nato. Nesse período, a questão leonina envolve personalidade, ego e individualidade. O nativo quer ter certeza de que está bem, o que pode se revelar em egoísmo e egocentrismo. É um indivíduo que gosta de aparecer e, pelo fato de não ter onde ir, com direito a holofotes, vê o momento como terrível. A dica, para não ser afetado pelo clima de home office, é se arrumar dentro de casa mesmo, como se estivesse seguindo para a empresa. Se ficar só de pijama e pantufa, pode perder um percentual considerável da sua produtividade.

Virgem

Na quarentena, o virginiano é aquele que assiste e lê todas as notícias sobre covid-19. Quer envolver a mente em tudo que está acontecendo, do ponto de vista mais coletivo. Virgem também precisa muito de cronograma, de ter responsabilidade e de rotina para não se sentir perdido, já que é governado por Mercúrio, um planeta "muito ocupado". A fim de garantir o fluxo, pode recorrer a aplicativos de controle de uso de eletrônicos, de checklists da rotina da casa e otimização de tempo, capaz de medir o quanto ele está rendendo.

Libra

Teoricamente, o libriano se mostra mais positivo em qualquer situação porque é conciliador. Signo da diplomacia e da mediação, representa a casa 7, associada ao "lidar com o outro". O nativo de Libra é idealista - acha que sempre tem uma saída para tudo. O desafio desse regido por Vênus é não se deprimir com a falta da estética, algo que valoriza demais, e de socialização. Por isso, precisa desenvolver mais o lado criativo, seja investindo em rituais de beleza, criando playlist de música clássica ou descobrindo um novo hobby, além de ficar conectado às pessoas que tanto ama. Só assim não terá sua produtividade abalada e saberá driblar os momentos difíceis de pressão.

Escorpião

Quem é de Escorpião se mostra muito profundo, sempre à procura de poder, mas esconde a própria sensibilidade. Outra busca constante é pela transformação. Se fica muito tempo sozinho, pode sugar as pessoas com quem convive (mesmo virtualmente), porque é extremamente controlador e bastante intenso. Outro detalhe: é mal-humorado e, quando tem problemas com a própria energia, sem conseguir superar determinada situação, começa a ser excessivamente sarcástico e pode afastar seus contatos frequentes.

Sagitário

Signo que costumava estar o tempo inteiro em movimento, antes da pandemia, Sagitário muda de postura na pandemia. Com todas as restrições do período de isolamento, o nativo costuma ser curto e grosso com todos, pois preza a liberdade e, quando é privado disso, pode se tornar totalmente insensível ao sentimento alheio. Para conseguir manter seu fluxo e continuar produzindo, sem se abalar ou prejudicar a equipe, o sagitariano precisa compensar a restrição geográfica com ajuda da internet, buscando por cursos, idiomas novos, amizades e passeios virtuais, tudo o que o permita continuar tendo contato com outros mundos.

Capricórnio

Durante o período pandêmico, Capricórnio é a pessoa perfeita para assumir a responsabilidade de garantir que as necessidades de todos sejam atendidas. Isso porque, por ser regido por Saturno, é muito voltado ao institucional. A falta de estrutura pode enlouquecer um capricorniano. Além disso, uma queda na produtividade pode fazê-lo se sentir extremamente ansioso. Só vai conseguir controlar a situação tendo por perto pessoas que pensem como ele, capazes de trazer novas ideias para mudar o cenário, de alguma forma.

Aquário

O aquariano é voltado para o coletivo, mas estar em um grupo não significa que está tudo bem. Como é um tanto inovador, precisa de um tempo sozinho para manter sua sanidade mental em dia, sem pessoas ao redor atrapalhando seu processo de criação. Muito antenado, pode ficar ansioso com novas soluções. Também tende a ser inconstante, dependendo do trabalho de equipe. Por ser regido por Urano, Aquário pode equilibrar sua energia e seu fluxo produtivo com tudo de tecnológico que surgir à frente.

Peixes

Um pisciano em quarentena, sem poder se doar à comunidade, corre o risco de imaginar coisas, somatizar doenças, ficar desesperançoso com o mundo, deprimir energética e espiritualmente, além de reavaliar a fé. Por ser um signo de Água, Peixes é extremamente empático e pode se perder no meio ou absorver emoções do coletivo. A criatividade é a salvação do nativo, que precisa investir na escrita, em artes, colocar no papel os sonhos e começar a trabalhar nisso para se sentir motivado com a vida e não diminuir o ritmo. Um detalhe: se errar a mão, também pode ser sua perdição.

Alto Astral