PUBLICIDADE

Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor


Saúde

O que as unhas podem indicar sobre a sua saúde

iStock
Imagem: iStock

Patrícia Beloni

Colaboração para VivaBem

02/08/2021 04h00

Você sabia que as suas unhas podem revelar pistas sobre a sua saúde geral? Uma mancha branca aqui, um parte mais escura ali, ondulações, tudo isso pode ser sinal de doenças ou de predisposição genética para algumas condições, como problemas no fígado, nos pulmões e no coração.

"A unha é um reflexo de como a gente está por dentro", explica Máira De Magalhães Mariano Astur, dermatologista da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo).

Inclusive, as alterações nas unhas podem ser até a primeira manifestação de algum problema de saúde e contribuir de forma essencial para o diagnóstico precoce.

Mas não precisa se desesperar com qualquer manchinha, já que muitas anomalias nas unhas podem ser inofensivas. É importante sempre consultar um médico dermatologista.

  • Unhas claras

Em excesso, as unhas claras podem indicar doenças nutricionais e endócrinas, relacionadas a falta de nutrientes ou problemas hormonais.

A falta de ferro, proteína e biotina, ou mesmo a anemia podem ser a causa.

  • Unhas esbranquiçadas

Unhas de Terry - Reprodução/BMJ - Reprodução/BMJ
Imagem: Reprodução/BMJ

Conhecidas como unhas de Terry, podem sugerir traumatismo local, doenças hepáticas, doenças renais, cirrose, insuficiência cardíaca, diabetes, infecção fúngica ou até uma alteração genética. Ou ainda que foram expostas a substâncias químicas.

Podem ser também efeito colateral de alguns antibióticos ou de doenças como vitiligo e hanseníase.

  • Unhas amareladas

Unhas amareladas - Reprodução/Springer Science+Business Media - Reprodução/Springer Science+Business Media
Imagem: Reprodução/Springer Science+Business Media

Podem surgir no contexto de doenças pulmonares, hepáticas, alterações do sistema linfático, psoríase, diabetes, reação medicamentosa e infecção fúngica.

Também ocorrem por conta do envelhecimento ou do uso de água oxigenada, esmaltes e tinturas com amônia.

  • Unhas azuladas

Unhas de um paciente com doença de Raynaud - WaltFletcher/Reprodução - WaltFletcher/Reprodução
Unhas de um paciente com doença de Raynaud
Imagem: WaltFletcher/Reprodução

Conhecida como síndrome da unha azul, está associada à exposição química como a condição argiria —uma doença causada por impregnação de sais de prata—; doença de Wilson —doença hereditária do metabolismo do cobre—, ou ainda a doença de Raynaud (doença arterial), além de problemas respiratórios (asma, pneumonia, enfisema pulmonar).

  • Unhas roxas

Podem sugerir baixo nível de oxigenação, distúrbios da circulação sanguínea e doenças reumatológicas.

  • Ondulações nas unhas

Ondulação na unha - Reprodução/Springer Science+Business Media - Reprodução/Springer Science+Business Media
Imagem: Reprodução/Springer Science+Business Media

Ocorrem após doenças infecciosas, psoríase, dermatite atópica, lúpus, reação a drogas (como em ciclos de quimioterapia) ou depois de febre. Mas também pode ter a ver com o envelhecimento natural.

  • Unhas rachadas ou quebradiças

unha quebrada, unhas fracas, carência nutricional - Getty Images/iStockphoto - Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Podem indicar carência de vitaminas, ferro, ácido fólico, desnutrição e doenças endócrinas, problemas na tireoide, como no hipotireoidismo.

Também podem estar relacionadas com o uso excessivo de esmalte, unhas postiças, uso de removedores à base de acetona, contato frequente com água e produtos irritantes.

  • Linhas escuras nas unhas

Mancha escura na unha - iStock - iStock
Imagem: iStock

É chamada de melononíquia, que pode ser uma alteração benigna de cor em pessoas de pele negra ou descendentes de japoneses e hispânicos.

Pode ser também manifestação de câncer de pele (melanoma) ou reação a medicamentos retrovirais. Podem ser na cor marrom, cinza ou preta, que vão da base da unha até o topo, nas unhas das mãos e/ou nas unhas dos pés.

  • Pele vermelha ao redor das unhas

Unha cutícula inflamada - iStock - iStock
Imagem: iStock

Sugere uma inflamação. Pode ser devido a traumas mecânicos, ao hábito de remover as cutículas, do contato frequente com água e produtos irritantes, que podem levar à ocorrência de infecções bacterianas e fúngicas no local.

  • Manchas vermelhas

Podem indicar artrite reumatoide, lúpus, insuficiência cardíaca, cirrose hepática, intoxicação por monóxido de carbono, tumores benignos, dentre outras patologias.

  • Verrugas

Verruga nas unhas - Reprodução/Clinical Photography/Science Photo Library - Reprodução/Clinical Photography/Science Photo Library
Imagem: Reprodução/Clinical Photography/Science Photo Library

Ocorrem a partir de infecção viral que pode surgir nas dobras das unhas, levando a deformidade das mesmas.

Além dessas condições, Ariene Pereira Paixão, dermatologista do Hospital Itaigara Memorial, em Salvador, conta que outras doenças ainda podem causar sintomas nas unhas, como a tuberculose, doenças gastrointestinais, HIV e até transtornos psicológicos.

Também existem doenças específicas da região das unhas, como a líquen plano ungueal —que é uma doença inflamatória. Então, ao notar qualquer comportamento, cor ou aspecto diferente, é importante procurar um médico.

Fontes: Ariene Pereira Paixão, dermatologista do Hospital Itaigara Memorial (Salvador); Barbara Carneiro, dermatologista da ABME (Associação Brasileira de Medicina Estética); Fernanda Ventin, dermatologista da Clínica Inderm (Salvador); Giovanna Mori Almeida, dermatologista do Hospital Albert Sabin; Máira De Magalhães Mariano Astur, dermatologista da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo).

Saúde