PUBLICIDADE

Topo

Horóscopo

Amor em abril: leia as previsões para o seu signo

Amor em abril - Jude Beck
Amor em abril Imagem: Jude Beck

Barbara Abramo

De Universa

02/04/2020 00h00

Descubra como estará a sua vida amorosa e o seu relacionamento com a família este mês, de acordo com as previsões mensais de Barbara Abramo.

Áries (21.03 a 20.04)

Abril começa com a Lua crescente em Câncer colocando as relações familiares e íntimas em primeiro lugar. A presença dos familiares e o cuidado com eles ganha destaque. Seja através da convivência ou por meio virtuais, doe e receba amor das pessoas importantes para sua vida.

Casamento ou namoro é o assunto em alta entre 7 e 14, dias para levar a sério as demandas e reivindicações de seu amor. Conversas podem ajudar a reequilibrar a relação que, como tantas outras, pode estar se ressentindo de um momento coletivo tão peculiar e sensível. Com o Sol em Touro a partir do dia 19, tem início uma fase positiva para apostar mais em você e nos seus encantos.

Touro (21.04 a 20.05)

Na primeira semana, com a Lua crescente em Câncer, você terá mais disposição para conversar com os amigos mais íntimos, importantíssimos para o seu bem-estar neste mês. Que tal combinar um encontro virtual? Já na segunda semana, esclareça as responsabilidades e os direitos de todos que convivem com você. Nada de teimosias e soluções birrentas, ok? Será preciso se adaptar ao período com mais diplomacia e flexibilidade. Faça sua parte.

Interesses em comum prometem aproximar os relacionamentos importantes a partir da segunda quinzena. Com a Lua nova em Touro, no dia 22, começa um período em que seus encantos aumentam. Você estará mais consciente de sua essência e poderá se posicionar mais positivamente em todas as suas relações.

Gêmeos (21.05 a 20.06)

Amor-próprio e confiança nos seus talentos são pontos altos que sustentam as relações na primeira parte do mês. Não tenha vergonha de receber elogios nem provas de afeto, ok? Valorize-se!

Na segunda semana, o amor ganha força. Fortaleça os momentos a dois com uma boa dose de romantismo. Você saberá encontrar meios para viver o momento romântico sem correr riscos. Cuidado apenas no dia 24, quando sonhar demais poderá trazer decepções sobre uma pessoa.

Câncer (21.06 a 21.07)

Com a Lua crescente em seu signo logo na primeira semana do mês, vale investir mais no seu encanto pessoal. Já com a Lua cheia em Libra no dia 7, a família entra em destaque, sinalizando que o amparo de seus queridos será um fator de equilíbrio para você. Use e abuse das ferramentas digitais para estar perto, mesmo distante.

Durante períodos de dificuldade, os relacionamentos frágeis padecem mais do que os fortes. E, na segunda quinzena, pode ser que você precise lidar com o fim de uma relação. Não se preocupe em encontrar culpados, a vida e suas contradições é a grande responsável. Desapegue, solte e confie. A amizade e a lealdade contam pontos em tempos como este. A lunação em Touro, no dia 22, fortalecerá as relações confiáveis e verdadeiras.

Leão (22.07 a 22.08)

Marte e Saturno em Aquário anunciam um mês de demandas e cortes nas relações. Será necessário se adaptar aos outros e a suas regras. Por isso mesmo, você poderá se sentir mais só na primeira semana, com dificuldades para se relacionar de maneira fluida com as pessoas. Respeite isso, ok? É apenas o tempo para resgatar sua alegria de viver.

Na segunda semana, porém, você começa a se abrir mais para os outros. Claro que respeitando as regrinhas de distanciamento e isolamento necessários, não é mesmo? Causas e curiosidades em comum podem ser elementos importantes para te manter consciente do que se passa no mundo lá fora. Embora o mês termine com oscilações de humor e certa instabilidade, conte com mais poder de atração. Apesar disso, com Mercúrio e Saturno em ângulo difícil, vale a pena escolher com cuidado as palavras na última semana.

Virgem (23.08 a 22.09)

Conversas virtuais com os amigos serão essenciais para você se sentir em paz, com muito afeto e amparo. Porém, durante todo o mês, vale cuidar das palavras. Se for muito exigente, prepare-se para ficar mais tempo só. Afinal, as pessoas não estão dispostas, ok?

Dúvidas sobre seu valor, poder de encanto e atração podem te assaltar na época da Lua cheia - que ocorre no dia 7. Por alguns dias, vale a pena pedir a opinião dos seus queridos e verificar até onde eles têm razão. Este é um momento de teste para toda a humanidade e o que tinha valor há poucas semanas está sendo posto de cabeça para baixo.

Amores realistas e que aceitam as condições atuais são os que mais se fortalecem a partir da segunda quinzena. Só você sabe até onde pode ir com seus sentimentos e, neste momento de tantas verdades surgindo, vale a pena ter honestidade para reconhecer seus limites. Preocupações com filhos também podem surgir. Mesmo assim, nada de críticas com quem você ama.

Libra (23.09 a 22.10)

Com o Sol em Áries, o foco do mês será nos relacionamentos. Como você pode crescer a partir dessas trocas? Será importante cultivar o afeto entre seus queridos. Com Mercúrio também em Áries a partir do dia 11, a curiosidade pode abrir novas possibilidades românticas. Evite, portanto, que a demanda externa se sobreponha à vida íntima. Você pode ter muito trabalho pela frente, mas dadas as condições e as limitações, precisará estabelecer uma hierarquia de urgências.

Se você tem aguentado pacientemente as oscilações de humor de quem está ao seu redor, comemore a Lua cheia, no dia 7, que traz força para expressar o que se sente e a necessidade de equilíbrio nas relações. Você também tem o direito de sentir e se expressar, certo? Então, a partir da segunda semana, peça respeito.

Escorpião (23.10 a 21.11)

Um pouco de isolamento não fará mal a você no início do mês. É um período de resgates e reflexões sobre relações antigas. Tempo para pensar, não para se atormentar. A dúvida sobre o que os outros sentem por você tende a te acompanhar na segunda semana, quando a tendência é se afastar ainda mais do mundo. Tome cuidado para não cair em dúvidas paralisantes, ok? O caminho mais curto é esclarecer as questões que te assombram. Vale um papo honesto e racional com quem está levando sua segurança embora.

No geral, conversas têm muita importância em tempos de crise e insegurança. Porém, na segunda quinzena, algumas perderão o encanto para você. Talvez por serem sombrias demais ou pelo fato de as pessoas andarem mais exigentes e ansiosas do que o costume. Sendo assim, respeite esse movimento da vida. Se alguém se distanciar, ou se você sentir que é hora de dar um tempo, vá em frente. Na terceira semana, reflita: será que você realmente precisa falar o que pensa justo neste momento?

Sagitário (22.11 a 21.12)

Ok, você não gosta de gente grudenta e não tolera dependências emocionais. Porém, neste momento fora do comum que o mundo vive, será necessário lidar não apenas com as suas fragilidades e dependências, como com as dos outros. A Lua crescente em Câncer dá o tom da primeira semana, com altas doses de sentimentalismo e necessidade de carinho — sua e dos outros. Tente lidar com essa demanda com espírito generoso. Esteja presente, na medida do possível, através dos meios digitais.

Os amigos ganham destaque a partir da segunda semana. Com eles, você poderá reequilibrar seu emocional, trocar esperanças e notícias boas, além de planejar atividades e encontros futuros. O simples fato de conversar e compartilhar preocupações trará esperança e equilíbrio. No final do mês, os interesses em comum selam amizades e amores. Que tal marcar uma sessão pipoca à distância?

Capricórnio (22.12 a 20.01)

A primeira semana, sob o ritmo da Lua crescente em Câncer, inspira proximidade, amparo, carinho e cuidado. Tanto você recebe, quanto será capaz de dar isso a seus queridos. O casamento precisará ser rediscutido e o pacto a dois terá de ser refeito. Aproveite o embalo deste momento difícil para esclarecer com seu amor tudo o que precisa ser melhor cultivado. Se você não tem um relacionamento firme, a própria condição coletiva permitirá encontros virtuais com alguém interessante este mês. Fique de olho!

Já na segunda semana, não permita que seus negócios e preocupações com a profissão perturbem ou impeçam suas relações. Na segunda metade do mês, espere a perda de interesse de alguém. Preocupações e tensões pessoais podem ser um peso extra para essa pessoa, já que, infelizmente, nem todos aguentam as coisas da vida como você. Chegando ao seu limite emocional, o jeito é respeitar e cortar essa onda. Nos últimos dias de abril, Mercúrio e Urano conjuntos indicam novidades no campo amoroso. Será que você se renderá a uma paquera virtual? Ou receberá um presente inesperado de alguém igualmente surpreendente?

Aquário (21.01 a 19.02)

No dia 7, a Lua cheia em Libra inaugura uma semana perfeita para você entrar em contato com pessoas de longe, amigos que fez em viagens e grupos dos quais participa. Interesses em comum podem ajudar neste momento difícil. Compartilhar a vida em tempos como este pode ser penoso, pois não existe o favorecimento da distância física e não há como se distanciar em momentos de raiva e cansaço. A privacidade fica comprometida e você, particularmente, se frustra. Driblar essa tendência exigirá conexão emocional, mais do que discurso e troca de argumentos.

Na segunda quinzena, reflita sobre como a informalidade, a falta de planejamento ou de compromisso acaba por cortar possíveis relações promissoras. Se elas já são difíceis normalmente, em momentos de exceção podem ser fatais para as relações mais frágeis. Vale repensar e refletir nas suas atitudes anteriores, ok? A crescente lunar em Leão preconiza, no fim de abril, um desfecho favorável para uma relação que esteja nascendo. Também poderá fortalecer uma relação já existente.

Peixes (20.02 a 20.03)

Abril começa com uma onda amorosa forte, graças à Lua crescente em Câncer. Filhos e amores são temas em alta e pedem cuidado. Você, mais sensível, sente as cordas do seu coração vibrarem com força. Se mora com seu amor, espere momentos românticos e de grande envolvimento emocional neste início de mês.

Sexo e sexualidade são assuntos delicados para abordar na segunda semana. A falta de acordos pode atrapalhar, mas nada de empurrar com a barriga ou reagir com reticência diante de problemas nessa área. Já as amizades entram em primeiro plano a partir da segunda quinzena. Arranje tempo para os bons momentos, ainda que virtuais. Eles serão capazes de trazer realismo e respostas para dúvidas.

A partir da terceira semana, Mercúrio em Touro chama a atenção para notícias boas vindas de amigos e amores distantes. Para você, começa uma fase de renovação no diálogo com quem ama e também com os parentes mais próximos. Mostre o que sente e deixe rolar!

Horóscopo