Topo

Alto Astral


Signo igual de mãe e filho, como Deborah Secco e Maria Flor, gera conflito?

Deborah Secco e Maria Flor são sagitarianas - Reprodução/Instagram
Deborah Secco e Maria Flor são sagitarianas Imagem: Reprodução/Instagram

Claudia Dias

Colaboração para Universa

10/09/2019 04h00

Perfis iguais sempre se dão bem ou o ditado popular "os opostos se atraem" faz mais sentido, quando o assunto envolve relacionamentos e astrologia? É sabido que se um casal compartilha o mesmo signo, a relação pode ter alguns altos e baixos.

Agora, se a conexão for entre mãe e filho, a conversa pode ser outra. É o caso de Deborah Secco e a filha, Maria Flor: as duas são de Sagitário — a atriz nasceu no dia 26 de novembro e a garotinha, em 4 de dezembro.

Com comportamento típico da mãe sagitariana, Deborah, ao lado do marido Hugo Moura, faz questão de repassar seus valores para a pequena. A relação entre elas, segundo a Débora Gregorino, astróloga que comanda o blog Mundo da Lua, tende a ser de pura conexão.

A especialista explica como é a relação entre mães e filhos que têm o mesmo signo.

Áries

Às vezes, a mãe de Áries se comporta de um jeito meio "moleca", o que pode ser muito bom na hora de brincar com o filho ou praticar alguma atividade que exige movimento. Por outro lado, é algo que se mostra complicado quando há a necessidade de impor limites ou orientar o mais novo. Já o filho ariano tende a ser muito independente, além de autoritário.

Touro

O relacionamento entre mãe e filho do signo de Touro costuma ser de muito apego. Isso porque ela tem inclinação a alimentar a dependência dos rebentos. Mas a verdade é que nem precisaria estimular tal comportamento dos filhos, já que os taurinos são assim por natureza.

Gêmeos

A geminiana, enquanto mãe, costuma ser muito aberta, liberal, amiga dos filhos. Quando ela e as crias têm o mesmo signo, pode ser difícil organizar uma rotina estável, em que os horários precisam ser cumpridos, por exemplo. A relação é propensa a ser boa, mas a vida como um todo entre o duo nascido em Gêmeos pode ser um pouco bagunçada.

Câncer

Muita sensibilidade permeia o relacionamento da mãe e do filho de Câncer. A canceriana tende a se dedicar muito ao descendente, enquanto o rebento vai idolatrá-la justamente por essa razão. Porém, a chantagem emocional também pode rolar forte em ambos os lados.

Leão

A relação entre mãe e filho de Leão é algo passional. Aqui, temos a mãe leoa, literalmente, que protege e se orgulha das crias. O pequeno leonino, por sua vez, é leais à genitora e sempre a terá como prioridade na vida.

Virgem

A mãe de Virgem está junto do filhote em todos os momentos. Ou, então, está trabalhando por ele. Já o filho de mesmo signo é dedicado e cumpridor dos seus deveres. Entretanto, ambos são críticos e isso pode gerar frieza e distância emocional no relacionamento, sobretudo na fase da adolescência.

Libra

O relacionamento entre mãe e filho nascidos sob a casa de Libra tem tendência a ser de muito amor, admiração e cumplicidade. O signo deixa a mãe muito aberta a permitir que a cria se desenvolva com liberdade. Na outra ponta, o descendente preza pelo bom relacionamento com a matriarca.

Escorpião

A relação é parecida com o que ocorre em Touro, mas o apego é mais profundo e intenso entre a dupla de Escorpião. A mãe escorpiana sabe todos os segredos do filho e é muito exigente. Ele, por sua vez, tende a ser ligado à mãe. Só que também é possível rolar altos e baixos nessa convivência -- ora se amam, ora não se suportam.

Sagitário

Tudo é sentido com muita intensidade no conexão entre mãe e filho de Sagitário. Ela quer passar valores e deixar sua cria pronta para enfrentar qualquer situação no mundo. Já o filho é ousado e adora ir além do que lhe é permitido -- e isso pode gerar algumas dificuldades na relação, principalmente durante a infância.

Capricórnio

Na relação mãe e filho capricornianos, é possível surgir distância emocional ou mesmo física. Não raro a matriarca de Capricórnio apresentar dificuldades em expressar seus sentimentos no que diz respeito aos descendentes. O filho, por seu lado, se sente responsável pela mãe e cuida dela quando se torna adulto.

Aquário

Pode ser que o relacionamento entre mãe e filho de Aquário seja muito bom, mas também pode se revelar bastante ruim. Isso porque não há regras para o signo do imprevisível. Em geral, ela preza pela independência do filho -- quer vê-lo se virando sozinho. Mas o aquariano, quase sempre, vai contra a postura da mãe, só pra contestar.

Peixes

A simbiose é total, a ponto de palavras não serem necessárias entre mãe e filho de Peixes. Mas, a sensibilidade aguçada nesse relacionamento pode ser um transtorno quando é preciso cuidar de alguma questão prática. A mãe pisciana não suporta ver o filho sofrer. Ele, por sua vez, tende a ser o mais amoroso e dedicado entre todos.

Alto Astral