PUBLICIDADE
Topo

Bichos

Tudo o que você precisa saber para cuidar do seu pet

Spitfire, o cão atleta que é comparado a Michael Jordan e Tom Brady

Spitfire pratica um esporte chamado Dock Diving - Reprodução/Facebook
Spitfire pratica um esporte chamado Dock Diving Imagem: Reprodução/Facebook

Colaboração para o UOL, em São Paulo

08/10/2020 12h00

Michael Jordan, Tom Brady, Tiger Woods, LeBron James... Se Spitfire fosse um humano, e o Dock Diving um esporte praticado por pessoas, ele provavelmente estaria lado a lado com esses atletas norte-americanos. Pelo menos é o que acreditam treinadores e organizadores dessa modalidade de esporte canina. E é claro, a família de Spit.

Digamos que whippet tinha tudo para se destacar como um cão esportista, que "nasceu para voar", como destaca o mini documentário sobre ele produzido pela ESPN. Os cachorros dessa raça, original do Reino Unido, são reconhecidos como atletas natos de velocidade, e seu corpo de membros alongados e magros faz com que tenham um porte físico aerodinâmico.

Embora fora das competições Spitfire pareça um cãozinho comum, que "gosta de dormir, latir para esquilos e se fingir de durão", como contou a dona Sidney Mackey à emissora, quando ele corre por sua "pista" passa bem longe de um cão convencional, e pode atingir uma velocidade de até 48km/h. Mas o destaque no esporte fica mesmo por conta da distância de seus saltos: em seu recorde, ele percorreu 9,45 metros no ar depois de saltar de uma doca.

O esporte de Spitfire

Spitfire pratica um esporte canino relativamente recente: o dock diving. Basicamente, consiste em colocar o cãozinho para correr em uma pista construída sobre uma doca de piscina, e depois ele terá que fazer um salto de determinada altura ou distância para alcançar um brinquedo pendendo no ar.

Criado há duas décadas, o dock diving se popularizou rapidamente e hoje mais de dez mil cães competem em mais de 12 países no mundo. Nos Estados Unidos, a maior competição é o North American Diving Dock National Championship, na qual Spit foi vencedor por dois anos consecutivos.

A melhor dupla do mundo

O mais curioso e genuíno fato sobre a carreira desse cão recordista talvez seja, na verdade, o que acontece nos bastidores, segundos antes da partida na pista. Os comandos e afagos que incentivam Spit a correr o mais rápido e a saltar o mais alto que puder vem de Sidney Mackey, a adolescente de dezesseis anos que cresceu com o cãozinho e o treina desde que ela tinha onze e ele três anos de idade.

Eles formam uma dupla incomum no universo de cães criados para se tornarem competidores e treinados por pessoas especializadas no esporte. Spit, ainda filhote, chegou na casa da família em 2013 antes de tudo como um animalzinho de estimação, e só quando amigos sugeriram e incentivaram que eles experimentassem o esporte foi que adentraram esse universo das competições.

Quando foi levado pela primeira vez para uma pista de dock diving, bastou que enxergasse o brinquedo e recebesse o olhar de incentivo de Sid para pular na piscina sem medo, vergonha ou reservas.

A mãe da adolescente atribui grande parte do sucesso de Spitfire à relação próxima da menina com ele, e afirma que o amor que ele sente por ela é sem dúvidas o que o motiva a obedecer os comandos e dar o seu melhor.

Recorde superado

Spitfire ficou famoso nas redes sociais depois que um vídeo dele batendo o recorde com um salto de 9,45 metros começou a circular. Graças a essa distância, Spit foi parar no livro dos recordes com o "salto de cachorro mais distante (dock jumping)".

Spitfire jumps a distance of over 31 feet to create a new world record for the farthest leap by a dog from r/BeAmazed

Mas, em setembro do ano passado, uma de seus maiores "rivais" do North American Diving Dock National Championship, uma cachorrinha da mesma raça chamada Sounders, quebrou o recorde atingido por ele ao percorrer 11,02 metros no ar. Sounders é treinada por Laurel Behnke e tem quatro anos de idade.