PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Rafael Reis


7 "loucuras" para seu time fazer no Mercado da Bola para o 2º semestre

Arjen Robben, em seu jogo de despedida pela seleção holandesa - Emmanuel Dunand
Arjen Robben, em seu jogo de despedida pela seleção holandesa Imagem: Emmanuel Dunand
Rafael Reis

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

10/05/2020 04h00

Em 2008, Ronaldo era um alvo irreal para o Corinthians. Mesmo assim, foi contratado e ajudou a recolocar o clube no caminho do sucesso. Quatro anos depois, Clarence Seedorf era um nome fora da realidade do Botafogo, que não acreditou nisso, acertou com o holandês e ganhou um ídolo.

De vez em quando, o futebol brasileiro é chacoalhado com a chegada de algum jogador fora dos padrões de atletas que normalmente desembarcam por aqui. Eles custam caro, é verdade. E, às vezes, dão muito errado.

Mas, quando funcionam, viram cases de sucesso dentro de campo e também de exploração comercial do departamento de marketing.

Pensando nisso, o "Blog do Rafael Reis" apresenta abaixo sete opções de loucuras para seu clube fazer no Mercado da Bola para o segundo semestre deste ano. Quem sabe ele acabe tornando real um reforço que todo mundo considera irreal.

ARJEN ROBBEN
Atacante
36 anos
Holandês
Sem clube

Oficialmente, o atacante que disputou três Copas do Mundo pela seleção holandesa está aposentado desde o fim da temporada passada, quando chegou ao fim sua passagem de dez anos pelo Bayern de Munique. Mas, no fim do último mês, Robben afirmou, em entrevista ao podcast do clube alamão, que está com saudades do futebol e que pode voltar aos gramados. Foi o suficiente para o Botafogo se animar todo. O time brasileiro acionou o empresário Marcos Leite, o mesmo que intermediou a negociação com o japonês Keisuke Honda, que já entrou em contato com o holandês. Resta agora saber se Robben estava apenas desabafando ou se considera seriamente a possibilidade de se desaposentar.

EDINSON CAVANI
Atacante
33 anos
Uruguaio
Paris Saint-Germain (FRA)

O maior artilheiro da história do PSG tem sido um dos nomes mais comentados do Mercado da Bola nos últimos meses. Isso porque seu contrato com o clube francês termina ao fim da temporada e dificilmente será renovado. Apesar de o jornal "L'Équipe" dizer que o centroavante uruguaio ainda espera uma proposta para permanecer em Paris, vários clubes estão se movimentando para contratar Cavani na próxima janela de transferências. O Atlético de Madri vem conversando com o jogador há meses. Mas Palmeiras, Flamengo e Boca Juniors também já admitiram ter interesse em trazer o astro de volta à América do Sul.

YAYA TOURÉ
Meia
36 anos
Marfinense
Sem clube

Outro astro internacionalmente conhecido que está na mira do Botafogo, o ex-capitão do Manchester City vem negociando há meses com o clube carioca. Yaya Touré ainda não jogou na atual temporada, já que está desempregado desde a virada do ano, quando seu contrato com o Qingdao Huanghai chegou ao fim. Nos seis meses que passou na segunda divisão chinesa, o marfinense disputou 14 jogos, fez dois gols e distribuiu três assistências. Mais importante ainda, ajudou a equipe a conquistar o título e o acesso para a elite do país mais populoso do planeta.

MARIO BALOTELLI
Atacante
29 anos
Italiano
Brescia (ITA)

O polêmico atacante teve um forte namoro com o Flamengo no meio do ano passado, mas acabou decidindo voltar à sua terra natal para defender o Brescia. Mas o retorno à Itália não tem sido dos mais agradáveis para Balotelli, que tem enfrentando luta contra o rebaixamento (é o lanterna da Série A), escassez de gols (só cinco em 19 partidas) e diferentes demonstrações de racismo. Talvez o fim da temporada do Calcio seja o momento perfeito para algum clube brasileiro tentar uma nova aproximação com Super Mario, ainda que seu contrato com o Brescia só vença em 2022.

JOHN OBI MIKEL
Volante
33 anos
Nigeriano
Sem clube

Assim como Robben e Yaya Touré, o volante que passou mais de uma década vestindo a camisa do Chelsea faz parte dos planos do Botafogo para a sequência de 2020 e vem conversando com a diretoria alvinegra. Tal qual os dois outros alvos, o nigeriano também está livre no Mercado da Bola. Obi Mikel vinha disputando o Campeonato Turco pelo Trabzonspor e era titular da equipe na maioria das partidas. No entanto, teve o contrato rescindido logo depois da paralisação da competição em virtude da pandemia do novo coronavírus (covid-19).

MARIO GÖTZE
Atacante
27 anos
Alemão
Borussia Dortmund (ALE)

Apesar de ser mais novo que Neymar, o autor do gol que deu o tetracampeonato mundial à Alemanha, em 2014, já tem toda pinta de veterano em fim de carreira. Com um histórico de graves problemas físicos, Götze não joga bem há anos e, por isso, vai deixar o Borussia Dortmund ao fim da atual temporada. Como já não tem mais mercado em clubes do primeiro escalão da Europa, o alemão tem duas opções: aceitar jogar em times de meio/baixo de tabela de países importantes do Velho Continente ou explorar mercados alternativos, como o brasileiro, onde ainda gozaria do status de estrela.

BAFÉMTIBI GOMIS
Atacante
34 anos
Francês
Al-Hilal (SAU)

Perto das outras loucuras apresentadas aqui, essa nem parece tão maluquice assim. O atacante, que disputou a Eurocopa de 2008 pela seleção francesa e defendeu Lyon e Olympique de Marselha, está fora do primeiro escalão do futebol europeu já há algum tempo. Na Arábia Saudita desde 2018, Gomis foi o artilheiro da última edição da Liga dos Campeões da Ásia e é um dos principais jogadores do Al-Hilal. Só que seu contrato termina agora no meio do ano. Ou seja, oferecendo-lhe um bom salário e oportunidades profissionais interessantes, é possível fazê-lo mudar novamente de continente.

Rafael Reis