Conteúdo publicado há 28 dias

Roberta Miranda leva pet na Virada Cultural para simbolizar resgates no RS

Roberta Miranda levou um pet para o palco da Virada Cultural, na tarde deste sábado (18), na Arena Capela do Socorro, na zona sul de São Paulo.

O que aconteceu

O show que começou com um pouco mais de 300 pessoas na plateia, foi animado e teve seu público crescendo. Com sucessos como "Garçom" e "Dormi na Praça", a cantora interagiu com o público e brincou com fãs.

Na metade da apresentação, Roberta trouxe um pequeno animalzinho chamado Severino e discursou sobre a importância de doações para o Rio Grande do Sul. "Ele está aqui para representar todos os cachorros de lá, e mais serão resgatados, vamos continuar ajudando", afirmou ela, recebendo aplausos.

Houve também uma preocupação política. Em certo momento, Roberta chamou para o palco a nova secretária de cultura de São Paulo, Lígia Jalantonio Hsu, que substitui Aline Torres. As duas estavam presentes no show e a cantora apresentou Jalantonio para o público.

"Que difícil esse sobrenome, é nordestino?", perguntou ela, errando na pronúncia, acompanhada de Jalontonio, que causou risadas na artista e no público ao dizer que é descendente de italianos.

O quanto a cultura sofreu na pandemia, é muito importante seguir esse trabalho. Roberta Miranda

Mesmo com duração curta, de menos de uma hora, o público vibrou com as rosas que a cantora atirou ao final, ao som do refrão de "Vá com Deus".

Trajetória

Conhecida como Rainha da Canção Sertaneja, Roberta Miranda tem mais de 37 anos de história como cantora, compositora, multi-instrumentista, escultora e pintora, considerada uma das principais vozes da música nacional.

Continua após a publicidade

A artista já vendeu mais de 28 milhões de discos e é conhecida por faixas como "Vá Com Deus", "Majestade, o Sabiá" e "A Mulher em Mim". Em abril, Roberta Miranda gravou um novo álbum ao vivo, "Infinito", em São Paulo.

Além dela, a Arena Capela do Socorro recebe, ainda neste sábado, as apresentações musicais de A Dama, Billy SP, Ilê Aiyê e Michel Teló. O local também sedia a intervenção Naifactory - Corujas.

Deixe seu comentário

Só para assinantes