PUBLICIDADE
Topo

Corinthians

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

"Lição pesada, mas justa". Colunistas elogiam Corinthians em caso Avelar

Lateral Danilo Avelar, do Corinthians, concede entrevista coletiva no CT Joaquim Grava - MARCO GALVãO/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO
Lateral Danilo Avelar, do Corinthians, concede entrevista coletiva no CT Joaquim Grava Imagem: MARCO GALVãO/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO

Colaboração para o UOL, em Santos (SP)

24/06/2021 12h34

Resumo da notícia

  • Colunistas opinam sobre rescisão de contrato de Danilo Avelar. Corinthians agiu certo?
  • "Sim. É uma lição pesada, mas justa e, acima de tudo, didática", diz Bruno Andrade
  • Danilo Lavieri: "exemplo é fundamental para que o próximo pense duas vezes e reflita"
  • "Sim. Muito bem. É preciso combater o racismo e os racistas", afirma Menon

O Corinthians optou por rescindir o contrato de Danilo Avelar depois da fala de conotação racista do jogador durante uma partida de CS:GO (Counter-Strike: Global Offensive). O anúncio foi feito ontem (23), após cobrança da torcida organizada Gaviões da Fiel pela expulsão do atleta.

O Corinthians agiu certo ao encerrar o vínculo com o atleta? Fizemos essa pergunta aos colunistas do UOL Esporte. Veja o que eles responderam:

Sim. Em 2021, no contexto brasileiro, aceitar manifestação racista é se associar com o que há de mais podre.
ANDRÉ ROCHA

Sim. É uma lição pesada, mas justa e, acima de tudo, didática. É um exemplo para eventuais novos casos do gênero.
BRUNO ANDRADE

Racismo é inviável. Não se pode permitir que uma pessoa que cometa erros como esse nessa altura do campeonato continue sendo exposta com a sua marca. E o exemplo é fundamental para que o próximo pense duas vezes e reflita sobre esse tipo de atitude deplorável.
DANILO LAVIERI

100% certo! Sem contemplação com racismo, violência contra mulher, homofobia.
JUCA KFOURI

Sim. Clubes precisam começar a tratar seus jogadores como qualquer outro profissional e demitir, ou rescindir contratos no caso, em caso de faltas consideradas graves como uma injúria racial. Jogadores se sentem seguros atrás desses contratos e clubes acabam reféns. Quando começarem a demitir, comportamento dos atletas no geral deve melhorar.
MARCEL RIZZO

Sim. Muito bem. É preciso combater o racismo e os racistas. E, se havia multado Jô por usar chuteira verde, precisava manter coerência.
MENON

A diretoria corintiana, a quem não caberia outro gesto a não ser o afastamento, entendeu que a manifestação de seu contratado foi racista - e foi. Afaste-se, óbvio. Como poderia o time que se declara "do povo", um povo de maioria negra, manter em seu elenco um jogador racista?
MILLY LACOMBE

O Corinthians não fez nada mais que sua obrigação. Só não entendi a demora. Jô foi punido apenas uma hora após o jogo contra o Bahia, quando "cometeu o crime" de usar chuteiras verdes. Para mim, o clube já deveria ter comunicado que buscaria a melhor formar de encerrar o contrato de Avelar ainda pela manhã.
MILTON NEVES

O Corinthians agiu corretamente. Não deve existir tolerância em casos como esse. Mas, só punir é pouco. O clube precisa reforçar a conscientização de jogadores e demais funcionários. A decisão não deve ser só uma resposta para a cobrança da torcida. Precisa ser parte de uma prática constante de combate ao preconceito.
PERRONE

Sim! Foi um bom exemplo. Qualquer punição contra atos racistas é sempre louvável. Corinthians mandou muito bem.
RODOLFO RODRIGUES

Sim. Não há mais tolerância para esse tipo de comportamento e comentário.
RODRIGO COUTINHO

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Corinthians