PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Zagueiro do Watford ironiza: "Estamos injetando covid-19 para não cairmos"

Dean Mouhtaropoulos/Getty Images
Imagem: Dean Mouhtaropoulos/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

25/05/2020 11h00

Sem futebol, os noticiários esportivos britânicos destacaram neste fim de semana uma declaração irônica - e um tanto quanto polêmica - dada pelo zagueiro Christian Kabasele, do Watford.

Na ocasião, o jogador usou o Twitter para rebater uma crítica feita por um torcedor de outro clube, que acusa o Watford de tentar evitar o rebaixamento do Campeonato Inglês utilizando casos de coronavírus como argumento.

"Eu nunca tive muita opinião sobre Watford antes disso, mas eles se comportaram de maneira desprezível ao longo de toda essa situação. As táticas empregadas para tentar evitar um rebaixamento são ridiculamente transparentes. Eu ficaria envergonhado se eu fosse um torcedor do Watford", disse o internauta.

Kabasele, que atua no clube há quase quatro anos, prontamente rebateu a acusação com ironias em relação ao tema.

"Então, deixe-me explicar nossa tática: estamos injetando covid-19 uma vez por semana. Nós chamamos o jogador ou membro da comissão que obtiveram o resultado. Estamos seguros de que nunca mais jogaremos de novo e evitaremos o rebaixamento", publicou o atleta.

Situação e posicionamento do clube

Ocupando a 17ª colocação do torneio, o Watford, neste momento, não seria rebaixado para a 2ª divisão pelo saldo de gols. O Bournemouth, equipe que ocupa a 18ª posição, tem apenas um gol de desvantagem em relação ao clube de Kabasele.

Nos últimos dias, a equipe inglesa registrou dois novos casos de coronavírus em seu quadro de funcionários. Há algumas semanas, o Watford já havia divulgado outros três contaminados, incluindo atletas.

Giampaolo Pozzo, empresário que é o dono do clube, já afirmou que é contra o retorno do Campeonato Inglês por não reunir "condições adequadas".

Futebol