Conteúdo publicado há 26 dias

Ralf lamenta distância do irmão Chrystian: 'Esperei ele me procurar'

O cantor sertanejo Ralf, 63, falou ao Fantástico (Globo) sobre a morte do irmão Chrystian, com quem formou dupla.

O que aconteceu

Em entrevista ao programa, Ralf afirmou que não falava com Chrystian e que não tinha conhecimento sobre a gravidade da doença do irmão: "Eu sabia que ele estava doente, mas não nesse estado que chegou. Não chegamos a conversar sobre o estado de saúde dele."

O artista disse sente muito por não ter se despedido do irmão: "É uma dor de ter esperado. A minha bobeira foi esperar que ele me procurasse. Ele estava feliz e eu não queria cortar a felicidade dele."

Esperei muito que ele me procurasse, para que eu não cortasse aquele momento que ele estava vivendo. [...] Não tenho arrependimento de nada. Só tenho o sentimento de ter ficado tanto tempo sem ver o meu irmão. Ralf

Ralf ainda contou que sonhava em retomar a dupla com Chrystian: "Achei que só era uma fase separados. [...] Mas ele queria gravar com os universitários, com as duplas que estavam começando."

Chrystian morreu na última quarta-feira (19), aos 67 anos. O sertanejo teve um choque séptico em decorrência de uma pneumonia agravada por comorbidades.

Deixe seu comentário

Só para assinantes