PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

Red Bull tem sinal positivo de Walce, mas São Paulo espera oferta superior

São Paulo renovou com Walce em 2019 para tentar se blindar no mercado da bola - Reprodução/Twitter do São Paulo
São Paulo renovou com Walce em 2019 para tentar se blindar no mercado da bola Imagem: Reprodução/Twitter do São Paulo

Bruno Grossi e Ricardo Perrone

Do UOL, em São Paulo

04/01/2020 15h07

Resumo da notícia

  • São Paulo recusou 6 milhões de euros e não recebeu outra proposta
  • Red Bull já sinalizou com aumento da oferta, mas não agiu de fato
  • Clube de Bragança já tem plano B, mas Walce ainda é prioridade
  • Estafe do atleta não dá as negociações como encerradas
  • São Paulo só voltará a conversar após aumento oficial da proposta

As negociações entre São Paulo e Red Bull Bragantino pelo zagueiro Walce estão paradas no momento. O Tricolor Paulista não recebeu mais nenhuma proposta e por enquanto interrompeu as conversas no mercado da bola. Do lado de Bragança Paulista, ainda há otimismo por um acerto e tudo já está alinhado com o estafe do defensor são-paulino.

A última oferta feita pelo Red Bull foi de 6 milhões de euros (R$ 27,2 milhões aproximadamente), antes mesmo da virada do ano. O São Paulo recusou esse valor e também não aprovou a porcentagem de venda futura oferecida. O clube do Morumbi não encerra as tratativas, mas deixou claro que só as retomará com ajustes nesses quesitos.

O Red Bull cogita aumentar a proposta para 8 milhões de euros (R$ 36,3 milhões), mas ainda não o fez. A tendência é que a história tenha desdobramentos a partir de segunda-feira. Se o São Paulo recusar novamente, o clube novato deixará de tratar Walce como prioridade. O plano B é Ibañez, que despontou no futebol pelo Fluminense e atualmente está na Atalanta, da Itália.

Além de desejar valores mais altos e a manutenção de uma fatia maior dos direitos econômicos de Walce, o São Paulo quer ter engatilhada uma reposição para o garoto no mercado. Atualmente, o grupo profissional tem garantidos os zagueiros Bruno Alves, Anderson Martins e Robert Arboleda, que passou a ter rejeição de boa parte da torcida por ter vestido uma camisa do rival Palmeiras.

O garoto Diego, de 20 anos, pode ser integrado por Fernando Diniz. Ele atua como zagueiro, como foi em sua estreia no profissional na última rodada do Campeonato Brasileiro de 2019, contra o CSA, e também como volante. Diniz ainda tem treinado o também volante Luan entre os defensores. O zagueiro Fasson, que disputa a Copa São Paulo com o time sub-20, é outro observado.

São Paulo