PUBLICIDADE
Topo

Gabriel Vaquer

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

SBT chega a 20 pontos com Flamengo no Rio, mas perde para final do "BBB21"

Gabigol, do Flamengo, contra a LDU: jogo foi exibido pelo SBT contra a fnal do "Big Brother Brasil 21" - alexandre Vidal / Flamengo
Gabigol, do Flamengo, contra a LDU: jogo foi exibido pelo SBT contra a fnal do "Big Brother Brasil 21" Imagem: alexandre Vidal / Flamengo
Gabriel Vaquer

Gabriel Vaquer cobre mídia esportiva desde 2014. No UOL Esporte, conta detalhes do evento onde seu time joga e onde seu profissional de TV esportiva favorito vai trabalhar.

Colunista do UOL

04/05/2021 23h49

Com as transmissões de LDU (EQU) 2 x 3 Flamengo e Defensa y Justicia (ARG) 1 x 2 Palmeiras, nesta terça-feira (4), o SBT até marcou índices bons para os seus padrões de audiência com a terceira rodada da Libertadores da América. O resultado, porém, foi bem longe do que a final do "Big Brother Brasil 21", da Globo, alcançou. O reality de Tiago Leifert foi líder tranquilo de audiência no confronto com as partidas.

Segundo dados obtidos pela coluna, o jogo do Rubro-Negro fora de casa marcou 17 pontos de média com picos de 20 para o SBT no Rio de Janeiro. No mesmo horário, com "JN", "Império" e grande parte da final do "BBB21", a Globo obteve 33 pontos na capital fluminense. A Record ficou com 6 pontos.

Em São Paulo, a vitória palmeirense fora de casa, com narração de Téo José e comentários de Mauro Beting, Edmilson e Nadine Basttos, marcou 7 pontos com picos de 8. No mesmo horário, a Record marcou 6 pontos. A Globo foi novamente líder na capital paulista, com 31 pontos com a novela escrita por Aguinaldo Silva e o reality apresentado por Tiago Leifert.

No primeiro tempo, o Flamengo conseguiu bons números para o canal de Silvio Santos no Rio de Janeiro. Na etapa inicial, a partida narrada por Luiz Alano com comentários de Mauro Cezar Pereira e Léo Moura marcou 17 pontos de média contra 30 da Globo e 9 da Record. A máxima neste momento na capital fluminense foi de 20 pontos. A Globo ficou na liderança com "Jornal Nacional" e "Império".

No segundo tempo, ambas as partidas seguiram na segunda colocação, mas a Globo disparou no primeiro lugar. No Rio, a emissora marcou 36 pontos, chegando a picos próximos aos 40 pontos de audiência. Além da final do reality show, houve uma elevação também por causa da procura de telespectadores por notícias sobre a morte do humorista Paulo Gustavo, que faleceu nesta noite, aos 42 anos. O SBT fechou com 17 pontos novamente neste período.

Em São Paulo, com o Palmeiras jogando fora de casa, o SBT perdeu para a Record no primeiro tempo por um placar com alta diferença. Impulsionada pela novela "Gênesis", a concorrente foi vice. O SBT marcou 8 pontos contra 10 da Record e 28 da Globo. Mas assim que a novela bíblica terminou, a emissora de Silvio Santos virou o jogo, assumindo o segundo lugar. No segundo tempo, por exemplo, o SBT chegou a vencer a Record por 7 a 2 em alguns minutos.

Para efeito de comparação, a menor audiência da Globo em jogos do Flamengo na Libertadores em fases de grupos aconteceu em Flamengo X Universidad de Chile, no dia 8 de abril de 2010, quando a emissora marcou 22 pontos. Já a menor média de audiência em jogos do Flamengo na Libertadores exibidos para o Rio de Janeiro pela Globo foi em Real Potosí (BOL) X Flamengo, em 25 de janeiro de 2012, com 21 pontos de média.

No caso do Palmeiras, a menor audiência da Globo em São Paulo em jogos do clube na Libertadores foi em Universidad de Chile X Palmeiras, no dia 18 de abril de 2001, com 20 pontos de média.

Na semana que vem, na estreia do reality show "No Limite", o SBT terá novamente jogos de Flamengo e Palmeiras para confrontar a Globo. As partidas podem marcar a classificação das duas equipes para a fase de mata-mata da Libertadores.

Os dados são prévios e podem sofrer alterações no consolidado divulgado pelo Ibope amanhã (5).