Infomoto

Infomoto

Siga nas redes
Só para assinantesAssine UOL
ReportagemCarros

Nova Hunter 350 chega como moto mais barata da Royal Enfield no Brasil

A Royal Enfield, finalmente, apresentou a nova Hunter 350 para o mercado brasileiro. Terceira integrante da plataforma J a chegar ao País, a Hunter compartilha o motor com Meteor 350 e Classic 350. Contudo, a nova moto de 350 cc tem uma proposta mais urbana, com design mais jovem e rodas de liga leve menores, de 17 polegadas. Além disso, a Hunter 350 chega para ser a moto mais barata do Royal Enfield no Brasil.

A nova Hunter 350 chega às concessionárias em duas versões e seis opções de cores. Batizada de Dapper, a versão de entrada, chega às lojas com preço sugerido de R$ 19.990. Já a Hunter 350 Rebel, que traz como item de série o sistema de navegação curva a curva Tripper, desenvolvido pela marca em parceria com o Google, terá preço de R$ 21.990.

Assim como em outros mercados, o valor é menor do que Classic 350 (a partir de R$ 20.890) e Meteor 350 (a partir de R$ 21.790). Entretanto, a Hunter 350 não perde nada em equipamentos quando comparada a suas irmãs mais clássicas.

Versão Rebel, topo de linha, traz como diferencial o navegador curva a curva Tripper como item de série
Versão Rebel, topo de linha, traz como diferencial o navegador curva a curva Tripper como item de série Imagem: Divulgação

A nova Royal Enfield de 350 cc já vem com freios a disco nas duas rodas, com sistema ABS de dois canais, e entrada USB. Destaque ainda para o compacto, porém completo, painel que mescla velocímetro analógico com uma pequena tela de LCD. A tela digital tem hodômetros, indicador de marcha e marcador de combustível.

O que muda na Hunter 350

Além do design mais urbano e jovial, a Hunter 350 traz mudanças ciclísticas importantes que alteram completamente a pilotagem em relação a suas irmãs de 350 cc. Embora tenha o mesmo conceito, o quadro da Hunter fio redesenhado.

Hunter tem design mais urbano, além de rodas menores - de 17 polegadas - do que suas irmãs Meteor e Classic
Hunter tem design mais urbano, além de rodas menores - de 17 polegadas - do que suas irmãs Meteor e Classic Imagem: Divulgação

Construído em aço e do tipo berço duplo, seu ângulo de cáster é mais agudo, de 25 graus. Juntamente com a roda aro 17 na dianteira, em vez do aro 19 da Meteor, fazem com que a Hunter seja muito mais ágil nas mudanças de direção. Na traseira, a roda também tem 17 polegadas e ambas usam pneus sem câmara, nas medidas: 110/70, na frente, e 140/70, atrás.

Continua após a publicidade

As suspensões contam com garfo telescópico convencional, com tubos de 41 mm e curso de 130 mm, na dianteira. Já na traseira, dois amortecedores com ajuste na pré-carga da mola e curso de 90 mm. Os freios usam disco de 300 mm, na frente, e um disco traseiro de 270 mm com sistema ABS de dois canais.

No restante, a nova Royal Enfield Hunter 350 usa o motor de um cilindro, duas válvulas e 349 cm³, refrigerado da plataforma J, mas com ajustes para oferecer uma resposta mais instantânea do acelerador, segundo a marca.

Motor de 349 cm³ produz 20,2 cv de potência máxima e 2,75 kgf.m de torque
Motor de 349 cm³ produz 20,2 cv de potência máxima e 2,75 kgf.m de torque Imagem: Divulgação

Apesar da calibração nova, os números de desempenho não mudaram. A Hunter 350 produz os mesmos 20,2 cavalos de potência máxima a 6.100 rpm e 2,75 kgf.m de torque a 4.000 rpm das irmãs Meteor e Classic 350. O câmbio também tem cinco marchas e a transmissão final usa corrente.

Embora tenha a mesma potência, na prática, o comportamento da nova Hunter 350 deve ser mais empolgante do que os outros modelos de 350 cc da Royal. Afinal, a nova moto pesa 181 kg, quase 15 kg a menos do que a Classic.

Cores e versões da Hunter 350

Lançada em agosto do ano passado, a Hunter 350 já vendeu mais de 200 mil unidades em todo o mundo, o que faz dela um sucesso comercial da Royal Enfield. A subsidiária brasileira espera repetir o sucesso no País, tanto que estima que o modelo deve ajudar a aumentar em até 50% as vendas da marca por aqui, destacou Cláudio Giusti, diretor-geral da Royal Enfield do Brasil.

Continua após a publicidade
Royal Enfield também terá uma ampla linha de acessórios para customizar a nova Hunter 350
Royal Enfield também terá uma ampla linha de acessórios para customizar a nova Hunter 350 Imagem: Divulgação

Focada em um público mais jovem e urbano, a Hunter 350 chega ao Brasil em duas versões. Embora tenha em três versões na Índia, uma delas com rodas raiadas e freio a tambor, na traseira, a nova Royal de 350 cc só terá disponíveis as versões Dapper e Ash. Ambas têm rodas de liga-leve e freios a disco.

A Dapper, sem o Tripper, vai custar R$ 19.990 mais o frete. A versão de entrada estará disponível nas cores prata metálico, branca e cinza metálico; os grafismos também variam de acordo com a cor.

Já o modelo com o navegador da Royal Enfield terá preço sugerido de R$ 21.990. Chamada de Rebel, a versão oferece as opções de cores: azul, vermelha e preta.

Reportagem

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes