20 times e R$ 560 mil: como será o novo Campeonato Brasileiro de futsal

O novo Campeonato Brasileiro de futsal da CBFS (Confederação Brasileira de Futsal) terá 20 times, será um caminho para a Libertadores da modalidade e distribuirá R$ 560 mil, mais um carro, em premiações. O UOL obteve com exclusividade os detalhes da nova competição.

O que aconteceu

A reunião de apresentação do campeonato foi realizada ontem e contou com representantes de tradicionais times de futebol: Palmeiras, São Paulo, Santos, Vasco, Sport, Ceará, Fortaleza, América-MG, Remo e Sampaio Corrêa. Ao todo, 39 representantes de clubes interessados estiveram no evento no Hotel Bristol, em Guarulhos (SP).

O Brasileiro de Futsal começará em 2024 com 20 times e já prevê ampliação — os times da edição inicial serão escolhidos pela entidade levando em consideração critérios como estrutura, ginásio, orçamento e visibilidade. O número de participantes aumentará para 24 em 2025, e a competição contará com acesso e descenso a partir de 2026.

O Brasileiro terá fase de grupos e mata-mata. Serão dois grupos de dez times e jogos de todos contra todos dentro do grupo. Oito equipes de cada chave avançam ao mata-mata, que terá jogos de ida e volta nas oitavas, quartas, semi e final.

Serão R$ 560 mil em prêmios e um carro, cujo modelo ainda não foi divulgado. Os quatro melhores times serão premiados: o campeão levará para casa R$ 250 mil, mais o automóvel; o vice, R$ 150 mil; o terceiro, R$ 70 mil; e o quarto, R$ 30 mil. Além disso, cada um dos seis jogadores eleitos para a seleção do torneio ficará com R$ 10 mil.

Não haverá impedimento de participação para os times que disputam a LNF (Liga Nacional de Futsal). Inclusive, estavam presentes na reunião Pato, Brasília, Foz e São Lourenço, que integram a LNF. O novo Brasileiro deve começar em maio e terminar em outubro.

O Brasileiro de Futsal dará duas vagas para a Supercopa, torneio cujo campeão se classifica para a Libertadores da modalidade.

Os clubes têm até a próxima quarta-feira (6) para entregar assinada a carta de confirmação de participação no campeonato para o ano que vem. Cerca de 15 clubes já adiantaram seu desejo de participação logo após a reunião, segundo a CBFS.

O que disseram envolvidos

Campeonato já sonhado há muito tempo que se torna realidade. A convocação dos times que estiveram na reunião dá noção da importância da grandeza do futsal brasileiro, nos colocar no topo, de onde não poderia ter saído nunca. Vamos ter um futsal antes do Campeonato Brasileiro e após o Campeonato Brasileiro. Marcos Madeira, presidente da CBFS

Continua após a publicidade

O futsal está no DNA vascaíno, sempre disputou campeonatos nacionais com certo destaque. O nosso presidente recém-eleito Pedrinho tem o DNA do futsal, me pediu atenção e carinho com o futsal e assim será para que a gente possa ajudar na reformulação do futsal. Eduardo Cassiano, vice-presidente de esportes do Vasco

Dois campeonatos nacionais

A CBFS lançou o Campeonato Brasileiro "oficial" que concorre com a LNF. A entidade quer que o torneio seja o caminho para competições internacionais e que chegue para agregar ao calendário e oportunizar que mais clubes participem de uma disputa nacional.

A LNF foi criada em 1996 pela CBFS, mas passou a ser administrada por uma liga independente de clubes em 2015. A CBFS e a Liga romperam e seguiram caminhos diferentes — as seleções adultas passaram a ser chanceladas pela CBF em 2021.

Os 24 times que disputam a atual edição da LNF confirmaram participação na Liga do ano que vem. O torneio só perderá um integrante em caso de rompimento de parceria com patrocinador ou dono da franquia, cenário considerado improvável.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes