Topo

Inter trabalha para identificar autores de vandalismo após vice-campeonato

Polícia foi acionada para conter tumulto nos arredores do Beira-Rio após vitória do Athletico - Marinho Saldanha/UOL
Polícia foi acionada para conter tumulto nos arredores do Beira-Rio após vitória do Athletico Imagem: Marinho Saldanha/UOL

Do UOL, em Porto Alegre

19/09/2019 18h23

O Internacional está analisando imagens do Beira-Rio para identificar os autores dos atos de vandalismo que sucederam a derrota por 2 a 1 para o Athletico Paranaense e o vice-campeonato da Copa do Brasil.

Em nota, o clube relatou que os danos ao patrimônio foram pontuais e o início de incêndio no Portão 7 ocorreu em razão de um foguete que atingiu a tubulação de ar-condicionado.

Não foi apenas o Beira-Rio que sofreu após a derrota do time gaúcho ontem. Houve conflito entre organizadas e a Brigada Militar e um clima de muita tensão.

Foram registradas 28 ocorrências no Juizado Especial Criminal, a maioria delas por furto. Sete pessoas tinham sido indiciadas até a tarde de hoje.

Confira a nota do Inter sobre os incidentes:

Referente às ocorrências após a partida desta quarta-feira, o Sport Club Internacional informa que os danos ao patrimônio foram pontuais. O maior deles, no portão 7, onde um foguete foi disparado e atingiu a tubulação de ar-condicionado, causando um pequeno foco de incêndio. Houve ainda danos a um portão de acesso e revestimentos de alguns pilares do estádio. O clube está trabalhando para identificar os responsáveis.

Internacional