Topo

Yony González tem proposta da Europa e não deve renovar com Fluminense

Yony González não deve permanecer no Fluminense em 2020 - Lucas Merçon/Fluminense FC
Yony González não deve permanecer no Fluminense em 2020 Imagem: Lucas Merçon/Fluminense FC

Alexandre Araújo e Caio Blois

Do UOL, no Rio de Janeiro

19/09/2019 04h00

O Fluminense não deve contar com Yony González na próxima temporada. Com proposta do futebol europeu, o colombiano não respondeu à proposta do Tricolor para renovar seu contrato e não parece disposto a permanecer no clube.

Artilheiro do Flu em 2019, com 15 gols, Yony chegou ao clube sem custos por indicação de Fernando Diniz, após se destacar pelo Junior Barranquilla (COL), na Copa Sul-Americana, em 2018. Naquele ano, o time colombiano disputou a final da competição contra o Athletico, e o atacante marcou o gol no empate no jogo de ida da decisão.

"Fizemos uma proposta para o Yony, conversamos com o pai dele. Ele não demonstra muito interesse em permanecer. Como veio sem custos, a gente fez uma proposta até parcelando uma eventual compra dos direitos, mas ele não deu resposta", declarou Celso Barros, em coletiva realizada ontem (18), no CT do clube.

Ainda na gestão Abad, Yony foi procurado pela diretoria por uma renovação de seu vínculo, que se encerra no fim do ano. A boa proposta, à época, foi rechaçada pela desconfiança do atleta com os constantes atrasos em pagamentos. Já com Mario Bittencourt e Celso Barros à frente do clube, uma nova proposta foi feita - mais baixa que a do antecessor - e recusada pelo jogador.

Depois de receber sondagens de clubes brasileiros, entretanto, o atacante voltou à mesa para negociar com o Flu. Uma reunião entre o Tricolor, seus agentes e seu pai, Efrain González, foi considerada positiva. Mas o colombiano afirmou que só negociaria após o fim do Campeonato Brasileiro. Desde então, a cúpula de futebol do Tricolor não teve mais conversas com o estafe do jogador.

Mantido no time titular por Oswaldo de Oliveira, Yony González não marca há oito jogos e amarga seu pior jejum desde sua chegada ao Brasil. O UOL Esporte apurou que o atleta já tem um acerto verbal com um clube do futebol europeu e, por isso, dificilmente ficará no Fluminense em 2020.

Fluminense