PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Rafael Reis

Conheça os reforços mais caros da história de cada campeonato nacional

Gabigol, atacante do Flamengo, é o reforço mais caro da história do futebol brasileiro - Thiago Ribeiro/AGIF
Gabigol, atacante do Flamengo, é o reforço mais caro da história do futebol brasileiro Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF
Rafael Reis

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

23/10/2020 04h20

O que Neymar, Philippe Coutinho, Oscar, Hulk, Malcom, Bernard, David Neres, Gabriel Barbosa, Jardel e Jô têm em comum?

Eles são brasileiros e já vestiram pelo menos uma vez a camisa da seleção... até aí está fácil. Mas um outro fator que une esses jogadores: todos são recordistas no Mercado da Bola internacional.

Os dez nomes citados acima são os reforços mais caros da história de algum campeonato nacional. Neymar, por exemplo, ostenta o recorde do Francês. Bernard foi a contratação número um do Ucraniano. E Gabigol custou mais que qualquer outro jogador que já atuou no Brasileiro.

A Série A do país pentacampeão nacional é, aliás, uma das que têm o recorde mais recente, já que o centroavante foi contratado pelo Flamengo no começo deste ano. Das principais ligas nacionais do mundo, apenas uma outra, a portuguesa, estabeleceu sua marca história em 2020.

O "Blog do Rafael Reis" apresenta abaixo a lista completa das contratações mais caras já realizadas por 20 dos mais importantes campeonatos nacionais do planeta.

OS REFORÇOS MAIS CAROS DE CADA CAMPEONATO NACIONAL:

FRANCÊS - Neymar (BRA, Paris Saint-Germain, 2017) - 222 milhões de euros
ESPANHOL - Philippe Coutinho (BRA, Barcelona, 2018) - 160 milhões
ITALIANO - Cristiano Ronaldo (POR, Juventus, 2018) - 117 milhões
INGLÊS - Paul Pogba (FRA, Manchester United, 2016) - 105 milhões
ALEMÃO - Lucas Hernández (FRA, Bayern, 2019) - 80 milhões
CHINÊS - Oscar (BRA, Shanghai SIPG, 2017) - 60 milhões
RUSSO - Axel Witsel (BEL, Zenit, 2012) - 40 milhões
Hulk (BRA, Zenit, 2012) - 40 milhões
Malcom (BRA, Zenit, 2019) - 40 milhões
QATARIANO - Shoya Nakajima (JAP, Al Duhail, 2018) - 35 milhões
UCRANIANO - Bernard (BRA, Shakhtar Donetsk, 2013) - 25 milhões
PORTUGUÊS - Darwin Núñez (URU, Benfica, 2020) - 24 milhões
HOLANDÊS - David Neres (BRA, Ajax, 2017) - 22 milhões
BRASILEIRO - Gabriel Barbosa (BRA, Flamengo, 2020) - 17,5 milhões
TURCO - Jardel (BRA, Galatasaray, 2000) - 17,1 milhões
SAUDITA - Ahmed Musa (NIG, Al-Nasr, 2018) - 16,5 milhões
EMIRADENSE - Moussa Sow (SEN, Al-Ahli, 2015) - 16 milhões
MEXICANO - Rodolfo Pizarro (MEX, Chivas, 2016) - 14,8 milhões
MLS - Pity Martínez (ARG, Atlanta United, 2019) - 14,5 milhões
BÉLGICA - Zinho Vanheusden (BEL, Standard Liège, 2019) - 11,7 milhões
ARGENTINO - Lucas Pratto (ARG, River Plate, 2018) - 11,5 milhões
JAPONÊS - Jô (BRA, Nagoya Grampus, 2018) - 11 milhões

Fonte: Transfermarkt