PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Rafael Reis


Tóquio-2020 pode ter Mbappé e Salah; conheça as seleções já classificadas

Kylian Mbappé em ação pela seleção francesa na última Copa do Mundo; jogador manifestou interesse nas Olimpíadas - Pilar Olivares/Reuters
Kylian Mbappé em ação pela seleção francesa na última Copa do Mundo; jogador manifestou interesse nas Olimpíadas Imagem: Pilar Olivares/Reuters
Rafael Reis

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

17/01/2020 04h00

Ouro no Rio de Janeiro quatro anos atrás, a seleção brasileira inicia neste domingo (19) a busca pela classificação para os Jogos de Tóquio-2020. A equipe comandada por André Jardine enfrenta o Peru, em Armenia (Colômbia), pela rodada inaugural do Sul-Americano sub-23, que na prática funciona como pré-olímpico.

A competição, que reúne os dez países filiados à Conmebol e distribui apenas duas vagas para a Olimpíada, começa amanhã e vai até o dia 9 de fevereiro.

Nove das 16 seleções que irão disputar a chave do futebol masculino em Tóquio já estão conhecidas. Europa, Oceania e África definiram todos os seus representantes. O Pré-Olímpico da Ásia está em andamento, e o da Concacaf será jogado de março a abril.

Três países campeões mundiais estão garantidos: França, Alemanha e Espanha. Japão, Egito e Costa do Marfim, que disputaram a última Copa do Mundo, também já estão classificados. Romênia, Nova Zelândia e África do Sul completam o grupo das equipes que estão asseguradas.

E alguns dos principais craques desses países já manifestaram interesse em viajar ao Oriente.

O astro francês Kylian Mbappé, que tem idade olímpica, afirmou no fim do ano passada que adoraria disputar a Tóquio-2020, mas só se isso não causasse nenhum conflito com o Paris Saint-Germain.

O atacante Mohamed Salah, um dos craques do Liverpool e principal nome do Egito, é outro que não tem escondido sua vontade de disputar a competição - no caso, ficaria com uma das três vagas para jogadores acima de 23 anos da equipe africana.

No entanto, é pouco provável que a dupla realmente dê as caras no torneio olímpico.

Mbappé é nome certo na convocação da França para a Eurocopa, que acontece entre 12 de junho e 12 de julho, e teria de emendar a próxima temporada sem desfrutar das férias se emendasse as duas competições - os Jogos de Tóquio vão de 24 de julho a 9 de agosto.

No caso de Salah, o difícil seria convencer o Liverpool a aceitar a ideia de começar a disputa do Campeonato Inglês desfalcado de um dos seus nomes mais importantes. A tarefa talvez se torne um pouco mais fácil se a conquista da Premier League realmente acontecer nesta temporada.

Mas o mais provável é que a Olimpíada de Tóquio realmente não tenha Mbappé, Salah e nenhum outro craque consagrado que ainda jogue por seleções principais.

Uma estrela com pouco mais de chances de ser convocada é o zagueiro Gerard Piqué, do Barcelona, que já se aposentou da equipe principal da Espanha e admitiu em outubro que poderia reforçar o time sub-23 na Ásia.

O Brasil subiu ao pódio dos últimos três torneios olímpicos masculinos de futebol. Em Pequim-2008, conquistou o bronze. Em Londres-2012, chegou até à final, mas acabou derrotado pelo México. Já na Rio-2016, enfim faturou a inédita medalha de ouro.

Os classificados para a Olimpíada de Tóquio

Japão (país-sede)
França
Alemanha
Romênia
Espanha
Nova Zelândia
Egito
Costa do Marfim
África do Sul
três vagas para Ásia (até 26 de janeiro)
duas vagas para América do Sul (até 9 de fevereiro)
duas vagas para Concacaf (entre 20 de março e 1º de abril)

Rafael Reis