PUBLICIDADE
Topo

Sem acordo com a Globo, Fla voltará a jogar sem TV. Diretoria silencia

Rubro-negros celebram virada sobre a Portuguesa: único exibido no Estadual - Thiago Ribeiro/AGIF
Rubro-negros celebram virada sobre a Portuguesa: único exibido no Estadual Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF
Mauro Cezar Pereira

Mauro Cezar Pereira nasceu em Niterói (RJ) e é jornalista desde 1983, com passagens por vários veículos, como as Rádios Tupi e Sistema Globo. Escreveu em diários como O Globo, O Dia, Jornal dos Sports, Jornal do Brasil e Valor Econômico; além de Placar e Forbes, entre outras revistas. Na internet, foi editor da TV Terra (portal Terra), Portal AJato e do site do programa Auto Esporte, da TV Globo. Trabalhou nas áreas de economia e automóveis, entre outras, mas foi ao segmento de esportes que dedicou a maior parte da carreira. Lecionou em faculdades de Jornalismo e Rádio e TV. Colunista de O Estado de S. Paulo e da Gazeta do Povo, desde 2004 é comentarista dos canais ESPN.

16/06/2020 17h29Atualizada em 16/06/2020 18h51

A Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj) marcou para quinta-feira o confronto Bangu x Flamengo, que depende da liberação das autoridades para ser confirmado. Este jogo não terá transmissão na TV. Globo e rubro-negros não chegaram a um acordo nas recentes negociações sobre o tema, como informou Rodrigo Mattos. Procurada pelo blog, a diretoria do clube preferiu não se manifestar sobre o tema.

O grupo de comunicação chegou a fazer proposta pelas partidas que restarão ao atual campeão - poderão ser até seis, dependendo de como for o desfecho do segundo turno. Os flamenguistas reduziram a pedida inicial, que ainda assim segue superior ao que recebem os demais representantes do Estado na Série A do Campeonato Brasileiro.

A Globo permanece com a postura inicial, de não desembolsar mais pelos jogos do Flamengo do que por partidas de Botafogo, Fluminense e Vasco. Esse conceito é um dos que mantêm as partes distantes e faz com que os demais compromissos rubro-negros no certame fiquem seriamente ameaçados de não terem transmissão ao vivo.

O único cotejo do campeão carioca, brasileiro e da Libertadores com transmissão foi o último antes da paralisação forçada pela pandemia do novo coronavírus, 2 a 1 sobre a Portuguesa. As partes chegaram a um acordo diante das circunstâncias excepcionais e a peleja, sem público no Maracanã, foi exibida no site esportivo da Globo e no canal do clube no YouTube.

Confira a nota da Globo informando a falta de acordo com o Fla:

"Mesmo ainda sem clareza de quando o Campeonato Carioca volta aos campos, a Globo e Flamengo vêm tentando desde o mês passado chegar num acordo para a transmissão dos jogos restantes do clube no Estadual. No Carioca 2020 só tivemos uma exibição do Flamengo no jogo contra a Portuguesa, já sem público antes da paralisação, quando fizemos uma permuta de direitos, sem custos envolvidos, em que Globo e Flamengo ofereceram a partida gratuitamente em suas plataformas digitais.
Desta vez, considerando o propósito mais amplo do que está sendo negociado e, principalmente, pela manifesta expectativa do Flamengo por um pagamento de direitos, a Globo evoluiu a proposta para um acordo financeiro para a exibição das partidas na TV aberta e PPV. Um grande esforço para a Globo, com o objetivo de oferecer ao torcedor flamenguista e carioca a possibilidade de acompanhar os jogos e atender expectativas do clube.
A proposta foi rejeitada pelo clube, exercendo seu legítimo direito de gerir seus ativos. Da mesma forma, a Globo avaliou as alternativas apresentadas pelo Flamengo. Ainda estamos longe de um acordo, mas seguimos confiantes que o clube verá o nosso esforço, nesse momento de dificuldade financeira para todo o mercado, em tentar levar os jogos para os rubro-negros ávidos por ver seu time em campo."

Mauro Cezar Pereira