PUBLICIDADE
Topo

Flamengo e Globo têm conversas travadas e Carioca pode voltar sem TV

Everton Ribeiro em ação na partida Flamengo x Portuguesa, pelo Carioca - Thiago Ribeiro/AGIF
Everton Ribeiro em ação na partida Flamengo x Portuguesa, pelo Carioca Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF
Rodrigo Mattos

Nascido no Rio de Janeiro, em 1977, Rodrigo Mattos estudou jornalismo na UFRJ e Iniciou a carreira na sucursal carioca de ?O Estado de S. Paulo? em 1999, já como repórter de Esporte. De lá, foi em 2001 para o diário Lance!, onde atuou como repórter e editor da coluna De Prima. Mudou-se para São Paulo para trabalhar na Folha de S. Paulo, de 2005 a 2012, ano em que se transferiu para o UOL. Juntamente com equipe da Folha, ganhou o Grande Prêmio Esso de Jornalismo 2012 e o Prêmio Embratel de Reportagem Esportiva 2012. Cobriu quatro Copas do Mundo e duas Olimpíadas.

16/06/2020 04h00

Antes da epidemia do coronavírus, as negociações entre Flamengo e Globo pelos direitos de Carioca tinham travado e os jogos do time ficaram sem transmissão. As conversas foram retomadas diante da crise sanitária, mas continuam com um impasse. No momento, as duas partes não veem um acordo perto.

Assim, pelo cenário atual, um retorno do Carioca não teria transmissão de jogos do clube. Ou seja, praticamente ninguém assistiria às partidas rubro-negras já que o público está vetado para evitar a disseminação do coronavírus.

No início do ano, a negociação entre o clube a emissora não deu certo por uma grande diferença de valores: a Globo ofereceu R$ 18 milhões ao clube por ano, e a pedida rubro-negra era quase o quíntuplo.

Com a epidemia, houve uma mudança de cenário. Primeiro, há a imposição do jogo sem público na volta do Carioca. Segundo, o Flamengo, que não vive uma situação de aperto financeiro, sofre com a epidemia como outros clubes e, portanto, gostaria de ter receitas extras.

A questão é que a primeira proposta da Globo foi considerada baixa pelo clube da Gávea. Foram feitas duas contrapropostas pelos dirigentes rubro-negros que ainda não tiveram respostas e estão em análise na emissora.

Não é uma questão só de dinheiro, mas também de formatos. Globo e Flamengo tiveram uma parceria no último jogo do Carioca, diante da Portuguesa, que foi transmitido pelo site do "Globo Esporte" e pela FlaTV. Neste caso, não houve pagamento de direitos.

Esse formato seria aceito pelo Flamengo, mas a Globo não quer repeti-lo por enquanto. Na partida, a Fla TV teve pico de audiência de 1 milhão, enquanto o Globo esporte ficou com em torno de 200 mil pessoas.

Para envolver transmissão de jogo na Globo e Sportv, o Flamengo quer uma remuneração e ainda não há acordo neste sentido. As conversas continuam e ainda pode ocorrer um acordo até o reinício do Estadual.

Blog do Rodrigo Mattos