PUBLICIDADE

Topo

Beleza

Make opaco ou glow? Maquiadores internacionais dividem os melhores truques

Reprodução
Imagem: Reprodução

Karina Hollo

Colaboração para Universa

04/09/2021 04h00

Depois de muitas temporadas de pele opaca e bem seca (acabamento que boa parte das brasileiras ama em razão da maioria de pele oleosa ou mista e do calor tropical), o glow se instalou nos nossos feeds de Instagram. Passamos por strobbing, glass skin, dolphin skin, tutoriais de brilho furtacor? Mas eis que o equilíbrio parece se aproximar, ao menos segundo três dos principais maquiadores do mundo — nomes que identificam e ditam tendências também.

Nem lá, nem cá
É o que diz Héctor Espinal, global makeup artist de Fenty Beauty e maquiador pessoal de Rihanna. Para ele, o ideal é nem tanto ao mar, nem tanto à terra. Em outras palavras, apostar em um bem bolado.

"A ideia é manter a zona T absolutamente matte e caprichar no glow nas maçãs do rosto", diz o dominicano, que segue o ritual todos os dias, sem falhar, também na própria pele. Ele combina cobertura fina, como da base Eaze Drop e do corretivo Bright Fix, ambos Fenty Beauty, com iluminador em pó aplicado com um pincel angulado — responsável por alcançar cada cantinho entre a sobrancelha e as têmporas.

Luz contida
A maquiadora norte-americana Nam Vo, uma referência em maquiagem iluminada, é conhecida como a maquiadora que criou a tal "Dewy Dumpling", uma técnica que cria uma pele radiante, com maçãs do rosto ultra-cintilantes. Ela ensina o passo a passo:
1. Aplique óleo facial: o segredo de Nam é começar nas extremidades do rosto e pegar leve no centro (e faz sentido, porque a zona T não precisa mesmo de mais brilho). Só então vem a base. O resultado? Um frescor discreto que vem de dentro para fora, como se fosse um viço natural.
2. Aplique o iluminador no ponto alto das maçãs do rosto -- e só. Neste caso, ela usou o Translucent Loose Setting Powder, de Laura Mercier.
3. Logo abaixo, intensifique o efeito aplicando seu produto de contorno.
4. Então, é a hora do blush cremoso! "O que amo a respeito do blush cremoso é que ele não parece aplicado na pele, sinto que pertence ao rosto", disse Nam.

Brilho cremoso X em pó
O segredo da maquiadora francesa Violette Serrat, dona de uma marca de maquiagem e diretora criativa de maquiagem Guerlain, é não deixar rastros no rosto. Como assim? Ela prefere camadas finíssimas e evita o excesso de produtos.

Em geral, abre mão do primer e prefere iluminadores cremosos, mais naturais, aos em pó. Outra manobra de Violette é aplicar base pontualmente, apenas onde é realmente necessário, em vez de todo o rosto. E, para um look fresh, ela deixa a ponte do nariz livre de produto, assim as sardas não são cobertas.

Beleza