PUBLICIDADE

Topo

Lua cheia em Libra vem intensificar dificuldades do distanciamento social

Lua cheia em Libra acontece no dia 28 - Pexels/Samer Daboul
Lua cheia em Libra acontece no dia 28 Imagem: Pexels/Samer Daboul

Camila Eiroa

De Universa

28/03/2021 04h00

A primeira Lua cheia do ano novo astrológico acontece neste dia 28, no signo de Libra. Por ser a primeira deste ciclo astral, ela carrega uma força maior do que as outras, além de trazer à tona tudo o que foi sentido na última Lua nova. A astróloga Sara Koimbra lembra que a Lua representa as nossas emoções. E, quando cheia, traz o transbordamento dos nossos sentimentos.

Segundo ela, é o momento de perceber tudo que precisa ser trabalhado, o que vale a pena se dedicar e o que é mais palpável para o momento presente. Por acontecer em Libra, a fase lunar também destaca os aspectos regidos pela casa 7, a casa natural deste signo. "Ou seja, os relacionamentos, o trato com o outro, questões jurídicas e o que é justo, ou não, na nossa vida", explica.

Por ser regido por Vênus, Libra também destaca o amor, os relacionamentos, a riqueza, a beleza e as sociedades, como os casamentos, por exemplo. Sendo assim, Sara destaca que o que está trazendo incômodos nesses setores vai incomodar ainda mais e, por outro lado, aquilo que está bom vai ficar mais evidente. "Toda a nossa vazão emocional será manifestada, será importante avaliar o que está saindo para fora do copo."

Pandemia e empatia

Por Libra trabalhar as emoções, em meio à pandemia, essa cheia lunar pode trazer algumas mudanças no cenário interpessoal. Enquanto uns esperam mais responsabilidade com o outro, algo que também pode vir à tona com a Lua cheia, Sara enxerga que o sofrimento em decorrência ao distanciamento social será maior.

"Como destacado, a Lua cheia transborda aquilo que não conseguimos segurar. As pessoas estarão com mais vontade de se relacionar e sentindo mais falta do contato com as pessoas queridas. Tudo que está no subconsciente de nossas emoções falará mais alto e a necessidade de buscar harmonia no que tange às relações sociais estará maior", prevê.

A astróloga considera um período aflitivo no contexto pandêmico, que passa pelo seu pior momento. A aflição vem de um lugar de consciência, mas o extravasamento das emoções pode acabar prejudicando a necessidade de se resguardar para cuidar dos outros. Por isso, é importante dosar a carga de Libra para que o equilíbrio e a justiça se façam presentes.

Influências no emocional

Os signos mais afetados são os opostos complementares Libra e Áries, ainda que a Lua cheia toque a todos. Áries, por ser um signo cardinal e impulsivo, que não consegue equilibrar os relacionamentos e ter a liberdade desejada. Já Libra, por ser um signo mais ponderado, sentirá mais exacerbada essa necessidade de harmonizar e ajustar os sentimentos.

"Pessoas com a energia libriana ou venusiana muito fortes, que muitas vezes se anulam para manter a paz em relações, têm agora um momento perfeito para perceber o que precisa ser ajustado no campo emocional", pondera Sara.

Sem esquecer que Libra é um signo de justiça, a astróloga também destaca que pessoas que estão com problemas na justiça têm um bom momento para resolver essas pendências. "É uma boa hora para acender uma vela, fazer pedidos e pensar sobre esses problemas jurídicos ou de relacionamento."

Por mais que seja uma cheia lunar que trará bastante aflição, a dica da astróloga é deixar as emoções aflorarem. Afinal, é um momento propício para perceber a importâncias dos nossos relacionamentos e entender o quanto determinadas pessoas são importantes na nossa vida. Ainda que precisemos de distância, se aproximar de quem realmente importa fica mais fácil com o uso da tecnologia.