PUBLICIDADE

Topo

Alto Astral

Como serão os próximos meses para cada signo, resumidos em uma palavra

2021 tem a regência do planeta Vênus, que analisa qual é a qualidade do nosso contato afetivo em sociedade - iStock
2021 tem a regência do planeta Vênus, que analisa qual é a qualidade do nosso contato afetivo em sociedade Imagem: iStock

Claudia Dias

Colaboração para Universa

24/02/2021 04h00

Ainda está difícil mirar o horizonte e ver boas perspectivas para os próximos meses? Nessas horas, a astrologia pode ajudar bastante, apontando possibilidades a cada um dos signos. Isso permite focar no que há de positivo e contornar o que pode não ser tão bom assim.

Fomos atrás da astróloga Fêh Fêrri, da Mandala AstroLógicah, para descobrir o que está por vir. Pedimos a ela que resumisse em uma única palavra o que os signos podem esperar até o fim do ano.

Conforme a especialista explica, para saber o que o ciclo promete, é preciso analisar o regente do ano, Vênus, e o trânsito de 2 planetas: Saturno e Júpiter.

"2021 tem a regência do planeta Vênus, que analisa qual é a qualidade do nosso contato afetivo em sociedade. Além disso, durante o ano, os planetas Júpiter e Saturno estarão passando pela energia de Aquário no céu, ocasionando, aqui na Terra, situações que envolvem o senso do coletivo e a questão de responsabilidade social e ambiental", comenta.

Isso significa que, até dezembro, é imprescindível que todos tenham uma visão para o coletivo coerente com a própria atuação pessoal em sociedade. "O universo nos pede um posicionamento firme e seguro sobre nossas escolhas, nossos gostos, nossos valores e sobre quem é a nossa turma", pontua Fêh Fêrri.

Áries: "contatos"

Os planetas Saturno e Júpiter devem enviar uma energia incrível para quem é de Áries, favorecendo contatos de toda natureza, interações, parcerias e planos e projetos dos arianos. Mas para chegar ao sucesso e fazer a liderança aparecer, será necessário focar no trabalho em equipe e considerar o universo do outro.

Touro: "novo"

A energia emanada de Saturno e Júpiter para Touro será desafiadora, exigindo que o taurino avalie novas ideias e propostas, contrastando com visões já enraizadas. Treinar o olhar, mudar as perspectivas, quebrar paradigmas e se reinventar são conselhos importantes.

Gêmeos: "influência"

A energia que o signo vai receber dos dois planetas promete ser excelente, favorecendo bastante os geminianos na propagação do conhecimento, já que provoca estudos e comunicação. Os nascidos em Gêmeos terão os pensamentos ampliados. Além disso, pontos de vista e conhecimentos gerais dos geminianos poderão afetar positivamente o coletivo.

Câncer: "mudanças"

Saturno e Júpiter enviam uma energia tensa para quem é de Câncer. Isso pede certo ajuste para os cancerianos. Será necessário afinar as questões sociais e a vida pessoal. Também é importante mudar atitudes, fazer autoanálise e rever hábitos. O segredo é olhar para dentro e ajustar comportamentos, consigo mesmo e com os outros.

Leão: "equilíbrio"

A energia saturnina e jupiteriana será provocativa para os nativos de Leão. Quem nasce sob o signo vai precisar encarar, enxergar e interagir assertivamente com os chamados coletivos e sociais. Pode haver um dilema entre aquilo que o leonino quer fazer e o consenso do grupo do qual ele faz

parte, o que levará à necessidade de aprendizado sobre o equilíbrio e o caminho do meio.

Virgem: "avaliação"

Virgem também vai receber uma energia mais tensa de Saturno e Júpiter. Tal energia pede certo ajuste para os virginianos: será necessário alinhar as questões sociais e do coletivo com a rotina. O segredo é avaliar se os próprios hábitos e comportamentos - incluindo sono, alimentação e rotina de trabalho - são e estão saudáveis e coerentes com o universo coletivo.

Libra: "relacionamentos"

Quem também será contemplado com uma energia maravilhosa vinda dos dois planetas é o nativo de Libra. O ano promete ser favorável para o sucesso, através dos contatos, dos relacionamentos, das interações sociais e da manifestação dos talentos. Essa energia vai refletir, inclusive, na vida amorosa do libriano.

Escorpião: "coerência"

Todo o ciclo de 2021 será desafiador para Escorpião. Os reflexos de Saturno e Júpiter vão levar o escorpiano a lidar com complexos pessoais enraizados ao interagir com o coletivo. O nativo do signo deve trabalhar conflitos, mudar o que é necessário e buscar o lado coerente para lidar com o universo social.

Sagitário: "expansão"

Até dezembro, Saturno e Júpiter enviam uma energia incrível para quem é de Sagitário, que vai favorecer a atuação e a interação dos nativos no universo social e coletivo. Dessa forma, vão acentuar os contatos, as trocas, as parcerias e a expansão do conhecimento em prol dos próprios ideais.

Capricórnio: "cautela"

Saturno e Júpiter não vão impactar quem é de Capricórnio. Assim, os capricornianos precisarão manter os pés no chão e administrar a vida profissional, pessoal e financeira com certa cautela. Para alcançarem a evolução, devem avaliar qual é a qualidade do seu contato afetivo em sociedade.

Aquário: "evidência"

As ideias aquarianas serão bastante acentuadas e favorecidas pela influência dos dois planetas em conjunção. A energia emanada para o signo coloca os nativos em evidência, ou seja, eles serão mais notados, mais ouvidos e mais aceitos. Tudo porque os ideais e projetos dos nascidos em Aquário estarão em sintonia com a necessidade coletiva.

Peixes: "limpeza"

Quem nasce sob o signo de Peixes tamém não será impactado pelas energias de Saturno e Júpiter. Para que a evolução ocorra até o fim desse ano, os piscianos devem avaliar a qualidade do contato afetivo que mantêm com a sociedade e como eles têm sentido isso internamente. Se for preciso, o nativos devem fazer uma limpeza e encerrar situações que não fazem bem. Buscar a espiritualidade e o autoconhecimento também ajuda

Alto Astral