Topo

Adolescente é estuprada após fazer o Enem em MG; suspeito é preso

Vitima de estupro - iStock
Vitima de estupro Imagem: iStock

Maurício Dehò

De Universa, em São Paulo

11/11/2019 08h24

Uma adolescente de 17 anos foi agredida e estuprada em Matozinhos, região metropolitana de Belo Horizonte, após realizar a prova de ontem do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Um suspeito foi preso, após a polícia encontrar no local do assédio um documento de identificação.

De acordo com o boletim de ocorrência (BO) da Polícia Militar, a estudante foi ouvida em uma unidade de atendimento médico na cidade, após o estupro, e contou que, após realizar o Enem, ia embora a pé, quando foi abordada no cruzamento das ruas Presidente Washington Luiz e Presidente Prudente de Morais.

O homem teria dito "perdeu", a jovem entregou seus pertences, pensando se tratar apenas de um assalto, mas foi levada para um lote vago. Lá, recebeu socos no corpo, no rosto e na cabeça, foi asfixiada e estuprada, chegando a desmaiar algumas vezes, segundo o relato descrito no BO.

A estudante retornou para casa e, com a ajuda dos familiares, procurou atendimento na unidade de saúde.

Ao investigar o local das agressões a polícia encontrou uma carteira nacional de habilitação (CNH) e foi à casa do suspeito. Ele resistiu, tentou fugir da casa e agredir os policiais e acabou preso. Uma testemunha no local afirmou que o homem, mais cedo, estava gritando na rua que "cometeria uma besteira", sem se importar em ser preso.

A vítima foi encaminhada para o hospital Odilon Behrens e o homem foi encaminhado à delegacia. O caso ficará sob responsabilidade do DP de Sete Lagoas.

Violência contra a mulher