PUBLICIDADE
Topo

Fãs entopem app que dedura protestos contra racismo com vídeos de k-pop

Milhares de fãs se aglomeram à espera do show do BTS, em São Paulo, em maio de 2019 - Aloisio Maurício/Fotoarena/Estadão Conteúdo
Milhares de fãs se aglomeram à espera do show do BTS, em São Paulo, em maio de 2019 Imagem: Aloisio Maurício/Fotoarena/Estadão Conteúdo

Felipe Oliveira

Colaboração para Tilt

02/06/2020 13h00

A polícia de Dallas (EUA) pediu que as pessoas usassem um app para enviar vídeos, fotos ou textos denunciando supostas atividades ilegais nos protestos contra o racismo após a morte de George Floyd. Mas, a polícia não contava com um contra-ataque inusitado: fãs de k-pop a favor das manifestações.

A polícia solicitou que as informações fossem enviadas para o aplicativo iWatch Dallas. Logo em seguida, centenas de fãs de k-pop se organizaram no Twitter e responderam ao chamado com fotos e vídeos de seus artistas favoritos.

De acordo com o BuzzFeed, a ação começou após um usuário do Twitter compartilhar a mensagem da polícia e sugerir que era importante que os manifestantes cobrissem os seus rostos para se protegerem.

A publicação viralizou, chegando a 45 mil curtidas e mais de 24 mil compartilhamentos. "Sinto que muitas pessoas compartilham os mesmos sentimentos em relação à maneira como veem o uso excessivo da força pelas forças da lei com os manifestantes e como a confiança geral neles do público diminuiu", disse o usuário ao BuzzFeed.

A quantidade de mensagens enviadas recebidas foi tão grande que o Departamento de Polícia de Dallas afirmou que o aplicativo estava inoperante. "Devido a dificuldades técnicas, o aplicativo iWatch Dallas ficará inoperante temporariamente", postou a conta oficial.

Como não conseguiam enviar as mensagens ao aplicativo, os fãs encheram os comentários da postagem da polícia com "fancam", como é conhecido popularmente o ato de enviar cenas de cantores favoritos dançando e cantando.

De acordo com o BuzzFeed, muitas pessoas também enviaram ao departamento vídeos da polícia prejudicando os manifestantes.

Além da ação por meio do Twitter, dezenas de pessoas deram só uma estrela na avaliação do aplicativo na Google Play e na App Store, com comentários destacando o movimento Black Lives Matter e pedindo justiça a George Floyd.

Usuários dão avaliação baixa a aplicativo iWatch Dallas na Google Play e na App Store - Reprodução - Reprodução
Usuários dão avaliação baixa a aplicativo iWatch Dallas na Google Play e na App Store
Imagem: Reprodução

O Departamento Policial de Dallas não confirmou se foi a reação dos fãs de k-pop que sobrecarregou o aplicativo, fazendo com que ele parasse de funcionar. Apesar disso, a atuação dos fãs nas redes sociais cumpriu o objetivo de atrapalhar o reconhecimento de pessoas que participam dos protestos contra o racismo nos Estados Unidos.

Confira algumas das postagens dos fãs de k-pop: