PUBLICIDADE
Topo

Aprenda a fazer o Rubacão Inxirido, versão "com sustança" do baião de dois

Bruno Calixto

Colaboração para Nossa

19/06/2021 04h00

Levanta a mão quem não gosta de arroz com feijão! A dupla mais popular da gastronomia é a base do autêntico baião de dois (de origem 100% nordestina), cuja combinação ganha um reforço caprichado de carne-seca, queijo coalho e bacon. Para dar samba, ou melhor, baião.

Ele é uma inspiração para releituras das mais criativas e saborosas, tal como o Rubacão Inxirido, receita original do chef paraibano Cumpade João, que faz o prato e ensinou o passo a passo no programa "Brasil com Zeca", de Nossa, no episódio que teve Elba Ramalho como convidada especial.

"É um baião de dois só que ele leva queijo e leite. Fica aquela coisa mais encorpada", ressalta João, que comanda a Casa de Cumpade, em Campina Grande, na Paraíba — uma experiência de sabores e vivências do nordestino.

Criado em 2007, o restaurante surgiu da Casa Grande da Fazenda Olho D`Água, onde o chef e proprietário do lugar se orgulha de preparar pratos exclusivamente da culinária brasileira com foco para as iguarias do Nordeste.

"Um cara que tem o sorriso e a energia do povo paraibano estampado no rosto, João Barreto, que todo mundo que passa por Campina Grande conhece como Cumpade João", apresenta Zeca Camargo, especialmente vestido de xadrez.

Zeca Camargo com o prato de rubacão que preparou durante o programa - UOL - UOL
Zeca Camargo com o prato de rubacão que preparou durante o programa
Imagem: UOL

O prato, constata Zeca, fica molhadinho mesmo, "como um risoto". O momento mais aguardado, a prova é ao som de Cumpade João cantando "Bodocongó", acompanhado de um sanfoneiro.

"Pedaço do céu na terra esta receita", elogia Zeca.

Detalhes da receita

Com nome e sobrenome, o preparo é num tacho de cobre. Além do feijão de corda, carne-seca e queijo, o chef acrescenta paio, calabresa "e o que você quiser", até finalizar com castanha de caju, "para trazer aquele agridoce", e pimentões para dar um colorido a mais, como as bandeirinhas de São João.

Inspiração nordestina: o gin tônica ganha toque de umbu - UOL - UOL
Inspiração nordestina: o gin tônica ganha toque de umbu
Imagem: UOL

Para acompanhar o banquete, o consultor de drinques Leandro Santos sugere alecrim para o gim tônica, super refrescante, com umbu, uma fruta da Paraíba que é deliciosa.

"Comida, drinque e música. O que falta aqui? O fim da pandemia", responde João.

O que vale neste momento de pandemia é o coração, estar grudado em prol de alguma coisa, em nosso caso, ao fogo e à panela"

Anota aí

Brasil com Zeca vai ao ar toda sexta-feira, às 19 horas, no Canal UOL e no YouTube de Nossa, onde você também pode maratonar todos os episódios. Também confira conteúdos extra nas redes sociais de Nossa: Instagram, Twitter, e Facebook.