PUBLICIDADE
Topo

Futebol

ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

Mauro: Inter já é diferente com Ramírez. Vai oscilar, mas mostra progresso

Do UOL, em São Paulo

02/05/2021 04h00

O Internacional se recuperou da estreia ruim na Libertadores e goleou o Deportivo Táchira por 4 a 0 para igualar a pontuação dos demais no grupo B, com vantagem no saldo de gols. O time teve atuação elogiada sob o comando do técnico Miguel Ángel Ramírez no Beira-Rio.

No podcast Posse de Bola #121, Mauro Cezar Pereira afirma que o Inter já se mostra diferente sob o comando de Ramírez, embora ainda a tendência seja oscilar, considerando as mudanças de técnicos e estilos de jogo em um curto período.

"O Internacional vai ter aí altos e baixos, é normal, está mudando muito, é o terceiro técnico em um intervalo aí de um ano aproximadamente. Se contar quando saiu o Coudet e o tempo que ele ficou parado por conta da pandemia, no intervalo de um ano, talvez nem isso, é o terceiro treinador, porque o Coudet com uma ideia, depois o Abel com outra, e agora o Ramírez com outro pensamento sobre futebol", diz Mauro Cezar.

"Mas já é um Inter diferente, um Inter que até quando estava com dez homens depois da expulsão do Palacios já no segundo tempo, continuou atacando. Lógico, se defendendo mais, mas não abriu mão do ataque, como é tão comum. Um time que está ganhando de 3 a 0, tem um jogador expulso, se fecha ali e abraça aquele placar. Não, o Inter fez alterações, colocou jogadores que vieram do banco para continuar tendo força ofensiva. Gostei bastante do Inter, acho que ainda vai ter jogos que vai ter queda, normal, é uma mudança muito brusca na forma de pensar e de montar a equipe, mas acho que é um caminho interessante", completa.

O jornalista ressalta que talvez a equipe de Ramírez não esteja preparada para brigar pelos títulos das principais competições que disputa na temporada, mas tende a evoluir com o tempo de trabalho.

"O Internacional aos pouquinhos vai apresentar progresso, não sei se para ser campeão de Libertadores, Brasileiro, talvez não, até porque o Inter está cortando custos, tanto que não vai nem ficar com o Rodinei, que está emprestado pelo Flamengo, já comunicou o Flamengo que vai devolvê-lo", afirma Mauro.

"O Inter está cortando custos porque quer adequar as suas despesas à sua realidade financeira no primeiro momento, que é o que todo clube tem que fazer, está com presidente novo, e então isso pode significar algumas limitações, mas acho que a ideia e tudo o mais, ela parece que aos poucos vai caminhar, apesar da impaciência de quem pedia a demissão do técnico espanhol 52 dias depois de assumir o cargo porque perdeu um jogo a 3.600 metros de altura, em uma atuação muito ruim, é verdade, mas daí para demitir o cara é o fim da picada", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter).

A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts. Você pode ouvir, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e Youtube --neste último, também em vídeo. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol