PUBLICIDADE
Topo

MMA


Dana White diz que Kobe Bryant era um investidor do UFC e promete homenagem

Ethan Miller/Getty Images
Imagem: Ethan Miller/Getty Images

Ag. Fight

07/02/2020 10h35

Dono de uma fortuna considerável - fruto dos anos em que foi o rosto mais conhecido da NBA e se consolidou como um dos melhores jogadores de basquete de todos os tempos -, Kobe Bryant investia parte de seu dinheiro em empresas de diferentes ramos, dentre elas o Ultimate e a Body Armour, marca de bebidas energéticas oficial da entidade mais importante do MMA.

A revelação foi feita por Dana White, que, em razão da morte precoce e trágica do astro, garantiu que uma homenagem a ele será prestada no UFC 247, que será realizado neste sábado (8), na cidade de Houston (EUA).

Ao site 'TMZ Sports', Dana relembrou que poucos dias do acidente de helicóptero que ceifou a vida do ex-jogador de basquete, Kobe recebeu os dividendos referentes ao ano de 2019 e, satisfeito com os lucros, brincou que deveria ter investido mais dinheiro. Com o primeiro evento do UFC desde a morte do astro da NBA marcado para este sábado, Dana garantiu que algo será feito em memória do 'Black Mamba', como era conhecido.

"Esse é o primeiro evento desde que aconteceu, e, sim, nós vamos fazer algo para (homenagear) Kobe. (...) Você olha para Kobe, o jogador de basquete, certo? Aí o cara ganhou um Oscar, e todas as outras coisas que esse cara conquistou em sua vida. Ele também era um dos grandes investidores na Body Armour, a companhia que patrocina o UFC, ele também era um investidor do UFC. E o UFC foi muito bem no ano passado. (...) E Kobe pegou seus dividendos do UFC na quarta-feira antes do incidente, e ele estava tão empolgado, tão animado, e ele disse o que todo mundo sempre diz: 'Eu queria ter investido mais'. Ele era um grande cara, ele era parte dessa companhia. Kobe Bryant era um cara bom em todos os sentidos que você possa ser um cara bom", declarou Dana White.

O UFC 247, que acontece neste sábado, terá em sua luta principal a disputa de cinturão entre o campeão meio-pesado (93 kg) Jon Jones e o desafiante Dominick Reyes. Já no co-main event, Valentina Shevchenko coloca seu título peso-mosca (57 kg) em jogo contra Katlyn Chookagian.

MMA