Futsal: Joinville vira sobre o Magnus e sai na frente na semifinal da LNF

O Joinville venceu o Magnus por 4 a 3 na noite desta sexta-feira (24), em Joinville, no jogo de ida das semifinais da Liga Nacional de Futsal.

A segunda e decisiva partida será na próxima sexta-feira (1), às 20h30, em Sorocaba. Em caso de vitória do Magnus, o jogo vai para a prorrogação, com a equipe tendo a vantagem do empate no tempo extra.

Quem se classificar pegará na final o vencedor do duelo entre Cascavel e Atlântico, que fazem o primeiro jogo da semi na próxima segunda-feira (27).


Viradas, emoção e tensão

Não faltou emoção na primeira semifinal da LNF. Foram duas viradas na partida, uma para cada lado. O Joinville abriu 2 a 0 logo no primeiro tempo, com gols de Renatinho e Willian.

Porém, o Sorocaba soube se recompor no jogo e conseguiu virar ainda na etapa inicial. Pepita, Dieguinho e Elisandro marcaram para a equipe paulista.

Mas aí veio a segunda virada da partida, agora a favor do Joinville. Roni e Fernando balançaram as redes e recolocaram o Tricolor na frente do placar.

A partida também foi muito tensa. Ao todo, foram distribuídos nove cartões amarelos para jogadores dos dois times. Os técnicos Cassiano Klein e Ricardinho também foram advertidos.

Canhota afiada

Dos sete gols da partida, seis foram marcados em chutes com o pé esquerdo. O único a balançar as redes com a direita foi o goleiro Willian.

Continua após a publicidade

Pelo Joinville, Renatinho, Roni e Fernando marcaram com a canhota, enquanto Pepita, Dieguinho e Elisandro fizeram o mesmo pelo Magnus.

Goleiro decisivo atrás e na frente

O goleiro Willian foi decisivo para a vitória do Joinville não só pelas defesas, mas também no ataque. Ele fez seu primeiro gol na LNF em belo chute de longe, sem chances para Françoar.

Willian ainda foi fundamental no terceiro gol. Foi no rebote de mais um chute dele que Roni aproveitou e empatou para o Tricolor.

Fim da invencibilidade

A derrota desta sexta foi a primeira do Magnus em toda a competição. Era o único time que restava invicto na Liga Nacional de Futsal.

Continua após a publicidade

Por outro lado, a equipe chegou a incríveis 128 gols no torneio, em 28 partidas. É um dos ataques mais produtivos em toda a história da LNF, com média de 4,5 gols por jogo.

Linda festa da torcida

A torcida do Joinville lotou o Cau Hansen e deu show durante o jogo, apoiando o time desde o início e transformando o ginásio em um caldeirão. Foram 3.373 pessoas presentes nas arquibancadas.

Antes da bola rolar, também teve muita festa. Centenas de torcedores cercaram o ônibus da equipe na chegada e formaram um "mar" tricolor do lado de fora.

FICHA TÉCNICA
JOINVILLE 4 X 3 MAGNUS

JOINVILLE: Willian, Henrique, Fernando, Kevin e Roni. Reservas: Léo, Eder Lima, Ernani, Rodriguinho, João Silveira, Renatinho, Rafinha, Penézio e Deivão. Técnico: Cassiano Klein
GOLS: Renatinho, Willian, Roni e Fernando

Continua após a publicidade

MAGNUS: Françoar, Ferro, Ricardinho, Pepita e Leandro Lino. Reservas: Kelvin, Charuto, Dieguinho, Rodrigo, Genaro, Angelott, Ernesto, João e Elisandro. Técnico: Ricardinho
GOLS: Pepita, Dieguinho e Elisandro

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes