PUBLICIDADE
Topo

Ouro no surfe, Ítalo lembra medalhas do Brasil no skate: 'Fizemos história'

Colaboração ao UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

27/07/2021 05h11

Medalhista de ouro no surfe, Ítalo Ferreira celebrou também o desempenho do Brasil no skate, outro esporte que faz a estreia em Jogos Olímpicos na edição de Tóquio. Até aqui, a modalidade rendeu duas medalhas de prata, com Kelvin Koefler e Rayssa Leal, a Fadinha, na categoria street.

Ítalo, de 27 anos, conquistou o primeiro ouro do Brasil nesta madrugada (27), horário de Brasília, ao desbancar o japonês Kanoa Igarashi —algoz de Medina na semi— na grande final. Além das já citadas, o país tem ainda dois bronzes, com Daniel Cargnin, no judô, e Fernando Scheffer, na natação.

"Não só o surfe, o skate também fez história com as meninas e os meninos. Estão todos de parabéns. A gente fez história! É o Brasil! Ficava assistindo a galera dos outros esportes... Quase quebrei a mesa torcendo pela medalha de ouro. E falei: 'Pô, agora é minha vez'. Cheguei à final e deu tudo certo", disse, em entrevista à Globo.

Mais cedo, em uma rede social, Rayssa Leal celebrou a classificação de Ítalo Ferreira para as semifinais do surfe e demonstrou confiança no título: "Ítalo, o melhor! O ouro vem", publicou.

No caso do skate, haverá ainda a disputa da categoria park nos Jogos Olímpicos. Dora Varella, Isadora Pacheco, Yndiara Asp, Luizinho Francisco, Pedro Barros e Pedro Quintas serão os representantes do Brasil.