PUBLICIDADE
Topo

Futebol

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Arnaldo: Cuca tem mais digitais no ano do Galo que Renato no do Flamengo

Do UOL, em São Paulo

25/09/2021 04h00

Classificação e Jogos

Com dois elencos considerados os melhores do país e na briga pelos títulos das três principais competições em disputa, Atlético-MG e Flamengo contam com treinadores que, nos últimos anos, foram os principais do país, com resultados no comando de diferentes times. Mas eles conseguem ser influentes ao ponto de terem sua marca nos times estrelados que treinam?

No podcast Posse de Bola #163, Arnaldo Ribeiro afirma que ambos os times são mais marcados pelos jogadores que se destacam em cada elenco do que pelos treinadores. O jornalista, porém, considera que há virtudes em ambos os casos, com Cuca deixando mais a sua marca do que Renato Gaúcho.

"Eu acho que os dois times vão ficar marcados, estão sendo marcados mais pelos jogadores do que pelos treinadores, então, é mais Atlético-MG do Hulk, mais Flamengo do Gabigol do que Atlético-MG do Cuca e Flamengo do Renato. Evidentemente, as digitais dos treinadores estão nos times", diz Arnaldo.

"Eu acho o Cuca mais treinador que o Renato, sempre achei. Para mim, não tem comparação em termos de repertório, não tem comparação, nunca teve, eu acho. Em termos de repertório, de alternativa, para mim, o Cuca é muito melhor. Agora, o Cuca tem alguns lampejos de loucura e isso foi notório na final da Libertadores, Santos e Palmeiras, na beira do campo, às vezes, quando ele larga o trabalho no meio porque não está conseguindo tirar nada, umas hesitações, mas eu acho ele um bom técnico para os padrões brasileiros, porque é difícil aqui", completa.

Para o jornalista, o elenco atleticano é o único no Brasil que se aproxima do que tem o Flamengo e há méritos de Cuca em algumas definições, como o posicionamento de Hulk, a escolha da dupla de zaga e a montagem do meio de campo. Arnaldo ressalta ainda que o time atual joga mais que o comandado na temporada passada pelo argentino Jorge Sampaoli.

"Eles estão jogando nesse nível por conta do treinador. Acho que tem uma combinação maior aí, tem méritos divididos. O posicionamento do Hulk antes da entrada do Diego Costa foi uma sacada boa do Cuca. O Zaracho como terceiro volante foi uma sacada boa do Cuca. A substituição do zagueiro pelo lado direito, a entrada do Nathan, que é mais rápido e mais técnico que os outros mais veteranos, foi uma boa sacada do Cuca. A reabilitação do Mariano foi uma boa sacada do Cuca, tem várias situações ali", diz Arnaldo.

"O Atlético-MG do Cuca joga mais que o Atlético-MG do Sampaoli. Aí você vai falar 'também, com o Nacho Fernandez, com o Hulk e com o Diego Costa, só poderia jogar melhor'. É verdade, mas os jogadores que já estavam com o Sampaoli estão rendendo mais agora com o Cuca, então, acho que o Cuca tem mais digitais no ano bom do Atlético-MG até agora do que o Renato e tem mais tempo de trabalho também", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter).

A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts. Você pode ouvir, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e Youtube --neste último, também em vídeo. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol