PUBLICIDADE
Topo

Marcel Rizzo

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Rizzo: Fla e Galo vão acumular jogos atrasados e terão final de ano caótico

Tite convocou atletas para os jogo da seleção em outubro, pelas Eliminatórias - YouTube/ CBF TV
Tite convocou atletas para os jogo da seleção em outubro, pelas Eliminatórias Imagem: YouTube/ CBF TV
Marcel Rizzo

Marcel Rizzo - Formado em jornalismo em 2000 pela PUC Campinas, passou pelas redações do Lance!, Globoesporte.com, Jornal da Tarde, Portal iG e Folha de S. Paulo, no qual editou a coluna Painel FC. Cobriu Copas do Mundo, Olimpíada e dezenas de outros eventos esportivos.

Colunista do UOL

24/09/2021 12h27

A CBF decidiu adiar novamente os jogos de times brasileiros que tiveram jogadores convocados para a seleção brasileira que terá agenda em outubro, pelas Eliminatórias da Copa-2022. Atlético-MG, Flamengo, Inter e Palmeiras estão nessa situação, e as agendas principalmente dos clubes carioca e mineiro tendem a ser caóticas.

A confederação brasileira avalia a possibilidade de adiar as últimas rodadas do Brasileiro para meados de dezembro — a 38ª rodada está marcada para 5 de dezembro. Há o problema de o calendário de 2022 ser apertado já que a temporada acabará no início de novembro, "culpa" da Copa do Qatar, que ocorrerá entre novembro e dezembro para minimizar o calor do Oriente Médio.

Ainda assim a CBF cogita estender a Série A, já que o Mundial de Clubes, que estava marcado para dezembro no Japão, mudará de sede e pode ser adiado para fevereiro de 2022. Mesmo nesse cenário, Flamengo e Atlético-MG podem acumular tantos jogos atrasados que um Brasileirão estendido não evitará um cenário caótico e jogos a cada 48h em determinados momentos.

O Flamengo tem hoje três jogos a menos no Brasileiro, de adiamentos anteriores por convocações. Dois serão repostos na semana de 3 de novembro, dias 2 (terça) e 5 (sexta), o que já até gerou reclamação da diretoria flamenguista. O clube ainda ficará devendo uma partida, mas aí se juntarão três dessa janela de outubro.

Não perca a conta. Se em novembro Tite convocar novamente jogadores do Flamengo, o que é provável, e a CBF decidir novamente pelo adiamento, serão pelo menos mais dois jogos atrás na tabela, somando então seis. E ainda tem a final da Libertadores em Montevidéu, em 27 de novembro, que o Flamengo deve estar e que vai obrigar a adiar o jogo da 36ª rodada.

Ou seja: o Flamengo pode ficar até com sete partidas a menos, e estamos a pouco mais de dois meses do fim do Brasileiro. A solução será empilhar compromissos do Flamengo, a cada 48 horas, nos últimos meses do ano.

Flamengo e Atlético-MG são semifinalistas da Copa do Brasil, o que impede que jogos do Brasileiro sejam marcados em dois meios de semana do fim de outubro, que podem ser usados, por exemplo, para repor as partidas perdidas por Palmeiras e Inter. Se chegar à final da Libertadores, o Atlético também deve ter, em algum momento, que acumular até três jogos em uma semana, mas numa frequência um pouco menor: hoje o Galo deve um jogo na Série A, contra o Grêmio, que já tem data marcada para 3 de novembro.

O clube mineiro poderia acumular, portanto, seis confrontos, desde que chegue à final da Libertadores. A CBF já adiou para o período das férias dos atletas, nos dias 8 e 12 de dezembro, as finais da Copa do Brasil, anteriormente agendadas para o fim de outubro.

A entidade cogitou não adiar os jogos para essa data-Fifa de outubro, por causa do calendário caótico, mas entendeu que seria mais prejudicial aos clubes a perda dos atletas do que um acúmulo futuro de partidas. Também foi descartada uma possibilidade de Tite "poupar" atletas que atuam no Brasil, ou limitar em um convocado por clube — o Flamengo teve dois chamados, Gabigol e Everton Ribeiro.

Jogos que devem ser adiados durante a data Fifa de outubro:

FLAMENGO
Red Bull Bragantino (F)
Fortaleza (F)
Juventude (C)

ATLÉTICO-MG
Chapecoense (F)
Ceará (C)
Santos (C)

PALMEIRAS
América-MG (F)
Red Bull Bragantino (C)
Bahia (F)

INTERNACIONAL
Ceará (F)
Chapecoense (C)
América-MG (C)

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL