PUBLICIDADE
Topo

Palmeiras

Galiotte elogia Soteldo e torce pela volta de Dudu ao Palmeiras em 2021

Maurício Galiotte, presidente do Palmeiras, durante a festa do título paulista - Cesar Greco
Maurício Galiotte, presidente do Palmeiras, durante a festa do título paulista Imagem: Cesar Greco

Do UOL, em São Paulo

10/08/2020 22h15

Classificação e Jogos

Maurício Galiotte diz que o Palmeiras só fará contratações após o título paulista caso apareçam oportunidades muito vantajosas. De acordo com o presidente, os clubes terão uma queda de 30% da previsão orçamentária de 2020 pela pandemia do coronavírus; por isso, diz ser preciso ter cautela. Questionado sobre a possibilidade de tentar a contratação de Soteldo, do Santos, ele apenas elogiou o meia-atacante venezuelano e desconversou. Quanto a Dudu, mostrou o sonho de ter o atacante de volta em 2021.

"Quem não quer o Soteldo? Todo mundo quer o Soteldo. É um grande jogador, mas ele pertence ao Santos Futebol Clube. Nós temos nosso elenco, e o Soteldo é jogador do Santos. É um grande jogador. Você me pergunta se eu gostaria de ter o Soteldo um dia com a camisa do Palmeiras? Gostaria", respondeu Galiotte, em entrevista a Fox Sports.

Soteldo é um dos principais jogadores do Santos, que no início do ano até recusou uma proposta do Atlético-MG. O time alvinegro vive momento financeiro bastante complicado, e inclusive a contratação do venezuelano pode render uma punição até maior do que a já existente na Fifa. Ainda assim, o presidente José Carlos Peres tenta manter seu camisa 10.

Horas depois de conquistar o título paulista, o Verdão começa a se preparar para a disputa do Brasileirão. Com apenas dois reforços em 2020 (Viña e Rony), o clube chegou a tentar a contratação de mais um lateral-direito - Marcelo Herrera, do San Lorenzo (ARG), foi o alvo mais recente, mas as conversas não avançaram.

"Temos um elenco muito qualificado, bons jogadores. Lembrando que muitos dos que estão conosco são campeões brasileiros, tivemos a saída do Dudu por uma série de circunstâncias. Para este ano, tínhamos desenhado uma estratégia diferente, de usar a base, o Palmeiras tem hoje no elenco dez jogadores da base, dentre os 30 do elenco. Isto desenhamos no fim do ano, com contratações pontuais. O Viña e o Rony e muitos estão compondo o elenco. Acreditamos no nosso potencial. Situações específicas, pontuais podem existir? Claro que podem. Não vamos dizer que não vamos trazer ninguém. Mas serão casos isolados, específicos. O elenco para o Brasileiro a princípio é esse", completou Galiotte.

DUDU VOLTA EM 2021?

Durante a festa do título paulista, no sábado, o presidente do Palmeiras conversou com Dudu por meio de uma live. O dirigente diz que o "anúncio" de retorno no ano que vem foi em tom de brincadeira. O atacante foi emprestado ao Al-Duhail, do Qatar, até julho de 2021 por 7 milhões de euros (R$ 42,2 milhões). A equipe ainda pode exercer a opção de compra do ídolo alviverde por mais 6 milhões de euros (R$ 36,2 milhões), mas Galiotte torce para que isto não ocorra.

"A gente estava comemorando, não sabia que era uma live. A gente brinca, eu até falei quando ele saiu que o Palmeiras é a casa dele, que ele iria voltar. Os filhos dele moram na frente da Academia de Futebol, jogam no clube. Aquele era um momento especial do Dudu e eu disse que ele ia encerrar a carreira dele do Palmeiras. Ele vai ter um pedaço do prêmio, vai ter medalha e ele disse que quer encerrar carreira no Palmeiras. Eu brinquei (com a volta). Obviamente que o clube tem opção de compra dos outros 40% (dos direitos), mas a gente espera que eles não o façam e ele possa voltar ao Palmeiras", completou.

Palmeiras