PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Coudet se diz incomodado por não ter vencido o Grêmio: 'Fomos superiores'

Eduardo Coudet, técnico do Internacional, ainda não conseguiu vencer o rival - Jeferson Guareze/AGIF
Eduardo Coudet, técnico do Internacional, ainda não conseguiu vencer o rival Imagem: Jeferson Guareze/AGIF

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

03/08/2020 04h00

Classificação e Jogos

Eduardo Coudet está incomodado com uma situação no Inter. Desde que assumiu o time, no início deste ano, ele só perdeu duas vezes, ambas para o mesmo rival: o Grêmio. Por isso, o treinador foca toda sua energia no clássico Gre-Nal que decidirá o campeão do returno do Gauchão, na próxima quarta-feira.

"Me incomoda muito (ter perdido dois clássicos). Tentamos passar por isso, ganhar do rival. Quando os enfrentamos, nos três jogos, sinto que fomos superiores. Mas a realidade é que isso me incomoda muito, porque quero ganhar. Certamente teremos que nos impor e queremos muito dar esta vitória para a torcida, ainda mais em um jogo decisivo", disse o técnico após a vitória do Inter sobre o Esportivo, por 4 a 0, na semifinal.

O Grêmio encontrou mais dificuldades. Depois de abrir 2 a 0 de cara, o time de Renato Gaúcho sofreu o empate, fez 3 a 2, mas a igualdade veio novamente, e a vaga aconteceu apenas nos minutos finais, com gol de Luciano.

Porém, a realidade veste azul, branco e preto. O Tricolor não perde para o Inter desde 2018, venceu dois e empatou um dos três enfrentamentos de 2020.

"Eu posso garantir que todos os jogos que entramos, vamos com toda vontade de vencer", disparou o vice de futebol Alessandro Barcellos.

E 2020, o primeiro encontro entre vermelhos e azuis de Porto Alegre teve Musto expulso e gol no último minuto de Diego Souza. O resultado de 1 a 0 colocou o Grêmio na final do primeiro turno do Estadual, conquistado pelo Caxias. O segundo foi o empate em 0 a 0 na Arena, pela Libertadores, na partida que terminou em pancadaria com oito expulsões. E o terceiro marcou a retomada das competições após a paralisação em razão da pandemia de novo coronavírus e foi 1 a 0 para o Grêmio com gol de Jean Pyerre cobrando falta e contando com desvio na barreira.

A motivação extra do treinador vermelho e a goleada na semifinal, porém, foram minimizadas por Renato Gaúcho, que se vê tão motivado quanto o adversário antes do jogo.

Planejamento para o Brasileiro só depois

Pensando no Gre-Nal, o planejamento do Campeonato Brasileiro fica para depois. Ainda que a competição comece já no próximo final de semana, o assunto só será tratado após a decisão do turno.

"A verdade é que tento ver todo o futebol possível, que dá na televisão, mas seria mentira se eu falasse que estou pensando no Brasileiro agora. Temos um jogo decisivo na quarta-feira. Vamos enfrentar este jogo e vivemos um dia de cada vez. Precisaremos de todo o grupo, de todo plantel, jogaremos a cada três dias, e primeiro pensaremos no jogo de quarta, somente depois no Brasileiro", afirmou o treinador.

O Internacional se reapresenta nesta segunda-feira. Quem conquistar o returno do Gauchão terá pela frente o Caxias, que venceu o primeiro turno, na final absoluta do torneio. O jogo ainda não tem data marcada para ocorrer.

Internacional