PUBLICIDADE
Topo

Se tudo foi aberto, o futebol tem que voltar, defende Neto

Neto detona Corinthians por não pagamento de conta de luz - Reprodução/Band
Neto detona Corinthians por não pagamento de conta de luz Imagem: Reprodução/Band

Colaboração para o UOL, em São Paulo

07/07/2020 14h47

Inicialmente contrário à volta do futebol, Neto acredita que a modalidade pode retornar. Aproveitando a declaração do governador João Dória sobre a retomada do Campeonato Paulista, o apresentador do Os Donos da Bola usou a flexibilização da quarentena para justificar o retorno do futebol.

"Eu sempre fui contrário à volta do futebol, mas, do que estou vendo hoje, sou a favor. Me desculpe as pessoas que pensam diferente, mas se todos os jogadores estão fazendo o exame, repetindo o exame, se vai fazer o futebol num estádio onde não terão torcedores...", disse Neto durante o programa de hoje.

Inicialmente contrário à volta do futebol, Neto acredita que a modalidade pode retornar. Aproveitando a declaração do governador João Dória sobre a retomada do Campeonato Paulista, o apresentador do Os Donos da Bola usou a flexibilização da quarentena para justificar o retorno do futebol.

"Eu sempre fui contrário à volta do futebol, mas, do que estou vendo hoje, sou a favor. Me desculpe as pessoas que pensam diferente, mas se todos os jogadores estão fazendo o exame, repetindo o exame, se vai fazer o futebol num estádio onde não terão torcedores...", disse Neto durante o programa de hoje.

"Se tudo foi aberto, o futebol tem que voltar. (...) Se voltou tudo, por que o futebol, com todos os protocolos colocados, não pode ter? Eu sempre fui contrário à volta geral do futebol, mas, do jeito que está acontecendo, sou a favor", completou.

Nos últimos meses, Neto afirmou que o "futebol não é mais importante que uma vida", e detonou a retomada do Campeonato Carioca no Maracanã, que abriga um hospital de campanha.

Além disso, dois irmãos do apresentador foram diagnosticados com covid-19. Seu irmão João Carlos foi parar na UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) por conta do coronavírus.

"Se tudo foi aberto, o futebol tem que voltar. (...) Se voltou tudo, por que o futebol, com todos os protocolos colocados, não pode ter? Eu sempre fui contrário à volta geral do futebol, mas, do jeito que está acontecendo, sou a favor", completou.

Nos últimos meses, Neto afirmou que o "futebol não é mais importante que uma vida", e detonou a retomada do Campeonato Carioca no Maracanã, que abriga um hospital de campanha.

Além disso, dois irmãos do apresentador foram diagnosticados com covid-19. Seu irmão João Carlos foi parar na UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) por conta do coronavírus.

UOL Esporte vê TV