PUBLICIDADE
Topo

Torcedores vão às ruas em Liverpool para comemorar título inglês

Torcedores tomam as ruas de Liverpool para celebrar título inglês

Do UOL, em São Paulo

25/06/2020 19h33

Classificação e Jogos

Não teve distanciamento social que resistisse à queda de um tabu de 30 anos. Hoje (25) o Liverpool chegou a seu 19º título inglês, sendo o primeiro da Premier League, e muitos torcedores não aguentaram comemorar sozinhos. Mesmo em meio à pandemia do novo coronavírus, a festa foi na rua.

A celebração tem sinalizadores, bandeiras e até novos pôsteres com o time campeão posado. Fotos e vídeos que circulam nas redes sociais mostram que ao menos algumas centenas de pessoas foram às cercanias do estádio do Liverpool, o Anfield Road, para comemorar o título.

O Liverpool goleou o Crystal Palace por 4 a 0 ontem e para ser campeão hoje precisava de um tropeço do Manchester City, o vice-líder. Em Londres, o City perdeu por 2 a 1 do Chelsea, para a festa do time de Jurgen Klopp. Na classificação, a atual diferença do campeão para o segundo colocado é de 23 pontos.

O clube não era campeão inglês desde 1990, por isso nunca havia vencido a Premier League, criada dois anos depois e atual versão do campeonato nacional. O troféu coroa mais uma vez o trabalho do técnico Jurgen Klopp, campeão pela quinta vez em 13 meses: a sequência começou na Liga dos Campeões do ano passado, passou por Supercopa da Europa e Mundial de Clubes até chegar agora ao título inglês.

A covid-19 no Reino Unido

O Reino Unido soma mais de 306 mil casos e 43.081 mortes registradas por covid-19, apontam os dados mais recentes da Organização Mundial da Saúde (OMS). O país registrou 154 óbitos nas últimas 24 horas, sendo o sexto país do mundo com mais mortes contabilizadas no período — quem lidera a lista da OMS é o Brasil, com 1.374 vítimas fatais.

As autoridades de saúde do Reino Unido criaram um sistema de alerta sobre a covid-19, que atualmente está no nível três (de cinco possíveis). Neste nível a pandemia não é mais considerada fora de controle, mas as recomendações por distanciamento social e boa parte das medidas de proteção ficam mantidas.

"Não quer dizer que a pandemia acabou. O vírus ainda está circulando, no geral, e é provável que alguns surtos aconteçam em certos lugares", dizia a nota que reduziu o alerta, há seis dias.