PUBLICIDADE
Topo

Daniel Alves tem que estar sempre na seleção brasileira, diz Roberto Carlos

Daniel Alves comemora gol pelo São Paulo em partida contra o Oeste - Bruno Ulivieri/AGIF
Daniel Alves comemora gol pelo São Paulo em partida contra o Oeste Imagem: Bruno Ulivieri/AGIF

Colaboração para o UOL, em São Paulo

27/03/2020 13h34

Para o campeão mundial Roberto Carlos, Daniel Alves deve ser convocado para todos os jogos da seleção brasileira, independentemente de seu posicionamento no São Paulo. Chamando o capitão tricolor de 'fenômeno', o embaixador do Real Madrid destacou, em entrevista ao Jogo Aberto desta sexta-feira, a liderança do camisa 10.

Quanto ao posicionamento de Dani Alves no São Paulo, Roberto Carlos afirmou que o jogador com mais títulos na história do futebol pode atuar tanto como meio-campista quanto lateral-direito.

"O Dani (Alves) pode jogar tanto no meio-campo como na lateral. O Daniel, sempre que tiver qualquer jogo amistoso ou oficial da seleção brasileira, tem que estar sempre. O Daniel é nosso líder, nossa referência. É uma referência dentro do vestiário, independente se joga bem ou mal, independente da posição que ele joga, ele é um fenômeno", falou R. Carlos, que seguiu:

"Ele continua jogando com essa alegria e com essa liderança. Os jogadores se sentem à vontade com ele. O Daniel hoje, para a seleção brasileira, claro que tem outros jogadores com bastante experiência, mas tendo essa referência de um capitão, de um líder, de um cara que vai assumir a responsabilidade em certos momentos, hoje em dia, é o Daniel".

Mesmo atuando como meia, Daniel Alves foi convocado por Tite, como lateral, para os primeiros jogos das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022. Por conta da pandeia de coronavírus, os jogos foram adiados.

UOL Esporte vê TV