PUBLICIDADE
Topo

Rodrigo Mattos

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

SBT terá Copa América no Brasil sem custo extra; Globo se interessou

Troféu da Copa América 2021; competição foi transferida para o Brasil - Divulgação/Conmebol
Troféu da Copa América 2021; competição foi transferida para o Brasil Imagem: Divulgação/Conmebol
Rodrigo Mattos

Nascido no Rio de Janeiro, em 1977, Rodrigo Mattos estudou jornalismo na UFRJ e Iniciou a carreira na sucursal carioca de ?O Estado de S. Paulo? em 1999, já como repórter de Esporte. De lá, foi em 2001 para o diário Lance!, onde atuou como repórter e editor da coluna De Prima. Mudou-se para São Paulo para trabalhar na Folha de S. Paulo, de 2005 a 2012, ano em que se transferiu para o UOL. Juntamente com equipe da Folha, ganhou o Grande Prêmio Esso de Jornalismo 2012 e o Prêmio Embratel de Reportagem Esportiva 2012. Cobriu quatro Copas do Mundo e duas Olimpíadas.

04/06/2021 04h00

O SBT não precisou abrir a carteira depois que a Copa América mudou de sede e foi transferida para o Brasil. Não haverá reajuste do contrato entre a emissora, que já havia adquirido os direitos de transmissão da competição, e a Conmebol. Além do canal, o torneio será exibido pelos canais da Disney em TV fechada.

Houve uma concorrência pelos direitos da Copa América feita pela Conmebol e suas agências comerciais. A ideia era contar com o máximo de propostas de TVs abertas e fechadas. Mesmo com o problema de relacionamento com a gestora do futebol sul-americano, originado na rescisão do contrato de transmissão da Libertadores, a Globo apresentou proposta pelos direitos da competição de seleções.

Na ocasião, as ofertas de SBT e Globo eram parecidas, dentro da realidade para uma Copa América que seria jogada na Argentina e na Colômbia. Normalmente, as emissoras pagam mais por uma competição que é disputada no Brasil.

A Globo fez proposta no modelo tradicional, envolvendo SporTV e TV aberta. Mas, no fim das contas, pesou o fato de que a Conmebol tem processo em andamento contra a emissora carioca em corte de arbitragem na Suíça pela rescisão do contrato de transmissão da Libertadores.

Procurada pela coluna, a assessoria de imprensa da Globo informou que a emissora não vai se posicionar a respeito.

O SBT pagará em torno de US$ 6 milhões (R$ 31 milhões) garantidos pela transmissão da Copa América em TV aberta. O valor pode crescer dependendo de patrocínios.

Ao falar sobre a Copa América, o presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou que a resistência ao torneio parece ter relação com o fato de que a Globo não terá os direitos de transmissão.

"Não tem torcida. Também começam agora as Eliminatórias. Temos Brasil e Equador na sexta. Alguém reclamou? Algum jornalista teve piti por causa disso? Não. Quando dei o sinal verde ouvindo meus ministros, houve uma hecatombe no meio jornalístico, que eu estaria importando uma nova cepa. Será por que na Copa América a transmissão não é da Globo, mas sim do SBT? Parece que é", disse ele.

O governo federal tem proximidade com o SBT. O ministro das Comunicações Fábio Faria é genro de Silvio Santos, dono do canal.

Rodrigo Mattos