Rafael Reis

Rafael Reis

Siga nas redes
Reportagem

Dia de Champions: Manchester United tenta evitar queda e vexame histórico

Dono de três títulos da Liga dos Campeões da Europa e maior vencedor do futebol inglês em todos os tempos, o Manchester United corre risco de protagonizar um vexame de proporções históricas nesta temporada da Champions.

Caso seja derrotado pelo Galatasaray, hoje, na Turquia, os "Red Devils" serão eliminados com uma rodada de antecedência do torneio europeu. E, para piorar, encaminharão também sua pior campanha em 18 anos.

Em 2005/06, o United terminou na lanterna em uma chave que tinha Villarreal, Benfica e Lille. Essa foi a única vez na história da Champions que o clube mais poderoso da Inglaterra foi o último colocado do seu grupo.

Desta vez, o time comandado por Erik ten Hag tem feito de tudo para repetir a marca negativa. Nas primeiras quatro rodadas da competição, somou só três pontos. Com isso, está atrás de Bayern de Munique, Copenhague e também do seu adversário de hoje.

Como seu adversário na última rodada será o Bayern, potência número um da chave, o risco de mais uma derrota é bem grande. E se tornará ainda maior caso o United chegue para a partida já sem chances de classificação.

Terminar na última rodada de um grupo da Champions é especialmente ruim porque significa o fim da temporada europeia para o clube. Afinal, o terceiro colocado da chave ainda ganha uma sobrevida com o direito de participar dos mata-matas decisivos da Liga Europa, o segundo torneio mais importante do continente.

Jogo do dia: Real Madrid x Napoli

O confronto entre o maior campeão da história da Champions e o vencedor do último Italiano tem ares de decisão para os dois clubes. Já classificado, o Real assegurará a primeira colocação da chave e a vantagem de fazer o segundo jogo em casa nas oitavas se descolar pelo menos um empate no Santiago Bernabéu. O Napoli, por outro lado, precisa de uma vitória para "resolver a vida" imediatamente e obter a vaga nos mata-matas com uma rodada de antecipação. No começo de outubro, no primeiro encontro entre as duas equipes, deu Real, com vitória por 3 a 2.

Craque do dia: Jude Bellingham (Real Madrid)

O novo ídolo do Real marcou em todas as três partidas que disputou pelo clube espanhol na Champions (poupado, ficou no banco na rodada passada, contra o Braga). Aliás, Bellingham em campo é praticamente uma garantia de bola nas redes. O inglês só passou em branco em quatro dos 15 jogos pelos merengues na temporada, já soma 14 gols pelo clube e superou recorde de ninguém menos que Cristiano Ronaldo, que comemorou "apenas" 13 vezes nas primeiras 15 partidas de Real.

Continua após a publicidade

Programe-se

14h45 - Galatasaray x Manchester United, na Turquia, Grupo A
14h45 - Sevilla x PSV Eindhoven, na Espanha, Grupo B
17h - Bayern de Munique x Copenhague, na Alemanha, Grupo A
17h - Real Madrid x Napoli, na Espanha, Grupo C
17h - Real Sociedad x Red Bull Salzburg, na Espanha, Grupo D
17h - Braga x Union Berlim, em Portugal, Grupo C
17h - Arsenal x Lens, na Inglaterra, Grupo B
17h - Benfica x Inter de Milão, em Portugal, Grupo D

Reportagem

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes