PUBLICIDADE
Topo

Rafael Reis

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Conheça as seleções de melhores da temporada das ligas nacionais da Europa

Zagueiro Rúben Dias, do Manchester City, foi o melhor jogador do Inglês - Divulgação
Zagueiro Rúben Dias, do Manchester City, foi o melhor jogador do Inglês Imagem: Divulgação
Rafael Reis

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

22/05/2021 04h20

Os principais campeonatos nacionais da Europa chegam ao encerramento neste fim de semana. A partir de segunda-feira, a temporada 2020/21 ficará restrita às finais dos torneios continentais, algumas decisões de copas nacionais e jogos de repescagens contra rebaixamentos.

Para celebrar o encerramento de mais um ano futebolístico, o "Blog do Rafael Reis" conversou ao longo das últimas semanas com jornalistas estrangeiros e perfis de redes sociais que acompanham as mais importantes ligas do Velho Continente.

O resultado dessas conversas está logo abaixo. Chegou a hora de conhecer as seleções, os melhores jogadores e os treinadores mais destacados de sete dos campeonatos nacionais que fazem parte do topo da cadeia do futebol europeu.

Campeonato Inglês

Emiliano Martínez (Aston Villa); João Cancelo (Manchester City), John Stones (Manchester City), Rúben Dias (Manchester City) e Luka Shaw (Manchester United); Ilkay Gündogan (Manchester City), Kevin de Bruyne (Manchester City) e Bruno Fernandes (Manchester United); Mohamed Salah (Liverpool), Harry Kane (Tottenham) e Mason Mount (Chelsea)

Melhor técnico: Pep Guardiola (Manchester City)
Melhor jogador: Rúben Dias (Manchester City)
Melhor jogador jovem: Phil Foden (Manchester City)
Melhor brasileiro: Fernandinho (Manchester City)

votaram Rich Fay, Stuart Brennan, Tariq Panja, Premier League da Depressão e Rafael Reis

Campeonato Espanhol

Messi comemora gol do Barcelona contra o Celta - Pau BARRENA / AFP - Pau BARRENA / AFP
Imagem: Pau BARRENA / AFP

Jan Oblak (Atlético de Madri); Emerson Royal (Betis), Éder Militão (Real Madrid), Jules Koundé (Sevilla) e Marcos Acuña (Sevilla); Toni Kroos (Real Madrid), Marcos Llorente (Atlético de Madri) e Pedri (Barcelona); Lionel Messi (Barcelona), Karim Benzema (Real Madrid) e Gerard Moreno (Villarreal)

Melhor técnico: Julen Lopetegui (Sevilla)
Melhor jogador: Lionel Messi (Barcelona)
Melhor jogador jovem: Pedri (Barcelona)
Melhor brasileiro: Casemiro (Real Madrid)

votaram César Izquierdo, Jordi Folqué, Nacho López García e Rafael Reis

Campeonato Italiano

Lukaku, atacante da Inter de Milão, comemora gol marcado no Campeonato Italiano  -  Mattia Ozbot/Soccrates/Getty Images -  Mattia Ozbot/Soccrates/Getty Images
Imagem: Mattia Ozbot/Soccrates/Getty Images

Gianluigi Donnarumma (Milan); Achraf Hakimi (Inter), Alessandro Bastoni (Inter), Cristian Romero (Atalanta) e Theo Hernández (Milan); Marcelo Brozovic (Inter), Franck Kessié (Milan) e Nicolò Barella (Inter); Cristiano Ronaldo (Juventus), Romelu Lukaku (Inter) e Luis Muriel (Atalanta)

Melhor técnico: Antonio Conte (Inter)
Melhor jogador: Romelu Lukaku (Inter)
Melhor jogador jovem: Alessandro Bastoni (Inter)
Melhor brasileiro: João Pedro (Cagliari)

votaram Paolo Condò, Pietro Balzano Prota, Calciopédia, Rubens Avelar e Rafael Reis

Campeonato Alemão

08.mai.2021 - Robert Lewandowski comemora gol do Bayern de Munique contra o Borussia Mönchengladbach - Alexander Hassenstein / Getty Images - Alexander Hassenstein / Getty Images
Imagem: Alexander Hassenstein / Getty Images

Manuel Neuer (Bayern); Ridle Baku (Wolfsburg), Dayout Upamecano (RB Leipzig), Maxence Lacroix (Wolfsburg) e Angeliño (RB Leipzig); Joshua Kimmich (Bayern), Leon Goretzka (Bayern) e Wataru Endo (Stuttgart); André Silva (Eintracht Frankfurt), Robert Lewandowski (Bayern) e Erling Haaland (Borussia Dortmund)

Melhor técnico: Oliver Glasner (Wolfsburg)
Melhor jogador: Robert Lewandowski (Bayern)
Melhor jogador jovem: Florian Witz (Bayer Leverkusen)
Melhor brasileiro: Matheus Cunha (Hertha Berlim)

votaram Robert Hiersemann, Henrik Bahlmann, Ron Ulrich e Rafael Reis

Campeonato Francês

Kylian Mbappe comemora o gol do PSG sobre o Bayern de Munique pela Liga dos Campeões - Alexander Hassenstein/Getty Images - Alexander Hassenstein/Getty Images
Imagem: Alexander Hassenstein/Getty Images

Keylor Navas (PSG); Zeki Celik (Lille), Marquinhos (PSG), Sven Botman (Lille) e Caio Henrique (Monaco); Aurélien Tchouaméni (Monaco), Benjamin André (Lille) e Lucas Paquetá (Lyon); Kylian Mbappé (PSG), Burak Yilmaz (Lille) e Memphis Depay (Lyon)

Melhor técnico: Niko Kovac (Monaco)
Melhor jogador: Kylian Mbappé (PSG)
Melhor jogador jovem: Aurélien Tchouaméni (Monaco)
Melhor brasileiro: Marquinhos (PSG)

votaram Pierre Nigay, Cyprien Legeay, Henri Ghnassia e Rafael Reis

Campeonato Português

Sebastián Coates (Sporting) - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Antonio Adán (Sporting); Pedro Porro (Sporting), Pepe (Porto), Sebastián Coates (Sporting) e Nuno Mendes (Sporting); João Palhinha (Sporting), Sérgio Oliveira (Porto), Carlos Júnior (Santa Clara) e Pedro Gonçalves (Sporting); Mario González (Tondela) e Mehdi Taremi (Porto)

Melhor técnico: Rúben Amorim (Sporting)
Melhor jogador: Sebastián Coates (Sporting)
Melhor jogador jovem: Nuno Mendes (Sporting)
Melhor brasileiro: Carlos Júnior (Santa Clara)

votaram Sérgio Pires, David Novo e Rafael Reis

Campeonato Holandês

Tadic (Ajax) - Getty Images - Getty Images
Imagem: Getty Images

Joël Drommel (Twente); Jordan Teze (PSV), Marcos Senesi (Feyenoord), Daley Blind (Ajax) e Owen Wijndal (AZ Alkmaar); Riechedly Bazoer (Vitesse), Teun Koopmeiners (AZ Alkmaar) e Davy Klaasen (Ajax); Antony (Ajax), Donyell Malen (PSV) e Dusan Tadic (Ajax)

Melhor técnico: Erik ten Hag (Ajax)
Melhor jogador: Dusan Tadic (Ajax)
Melhor jogador jovem: Ryan Gravenberch (Ajax)
Melhor brasileiro: Antony (Ajax)

votaram Tijani Goullet, Joost de Jong e Rafael Reis

Errata: o texto foi atualizado
Ao contrário do informado anteriormente, Memphis Depay defende o Lyon, não o PSG.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL