PUBLICIDADE
Topo

Olhar Olímpico

Flamengo tem 5 casos de Covid no vôlei e jogo da Superliga é adiado

Flamengo campeão carioca de vôlei - Paula Reis/CRF
Flamengo campeão carioca de vôlei Imagem: Paula Reis/CRF
Demétrio Vecchioli

Demétrio Vecchioli, jornalista nascido em São Roque (SP), é graduado e pós-graduado pela Faculdade Cásper Líbero. Começou na Rádio Gazeta, foi repórter na Agência Estado e no Estadão. Dedicado à cobertura de esportes olímpicos, escreveu para o UOL, para a revista Istoé 2016, foi colunista da Rádio Estadão e, antes do Olhar Olímpico, manteve o blog Olimpílulas. Neste espaço, olha para os protagonistas e os palcos do esporte olímpico. No Olhar Olímpico têm destaque tanto os grandes atletas quanto as grandes histórias. O olhar também está sobre os agentes públicos e os dirigentes esportivos, fiscalizados com lupa. Se você tem críticas, elogios e principalmente sugestões de pautas, escreva para demetrio.prado@gmail.com

19/11/2020 13h43

Não é só o futebol que está sendo atingido por surtos que Covid-19. Nesta quinta-feira (19) mais duas jogadoras do elenco do Sesc-RJ/Flamengo testaram positivo para a doença, a jovem ponteira Ana Cristina e a líbero Natinha. Com isso, já são cinco desfalques pelo mesmo motivo e, seguindo o regulamento da Superliga Feminina, o próximo jogo do Flamengo está adiado.

A equipe do técnico Bernardinho já tinha outros três desfalques por Covid, além de quatro por lesão. No sábado passado, antes da partida contra o São Caetano, a levantadora Fabíola e a central Roberta testaram positivo para Covid-19. Depois foi a também oposto Sabrina que teve a doença confirmada.

Tudo isso em um elenco que já não contava com a ponteira Ariele, com as líberos Natinha e Camila Gomez, e a aposta Lorenne. Mesmo assim, o Flamengo venceu o São Caetano no sábado, com grande atuação de Ana Crístina e Sabrina, e o Pinheiros na terça (17). A equipe voltaria a jogar contra o Curitiba sábado (21), mas a partida já consta como adiada na tabela da Superliga.

Pelo protocolo médico da Superliga, quem testa positivo precisa ficar 10 dias afastado. E, se um time tem quatro casos positivos no elenco, a partida é adiada. Assim, também deverá ser adiado o duelo do Flamengo contra o Fluminense, pela quinta rodada, no dia 24, 10º dia depois das notificações de Roberta e Fabíola.