PUBLICIDADE
Topo

Mercado da Bola

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Claudinho espera seleção para ver negociações com a Europa avançarem

Claudinho foi o artilheiro do Brasileirão de 2020, com 18 gols - Ari Ferreira
Claudinho foi o artilheiro do Brasileirão de 2020, com 18 gols Imagem: Ari Ferreira
Bruno Andrade

Mora em Lisboa desde 2015. Começou a carreira no LANCE! e depois virou correspondente internacional da Goal.com. Atualmente, trabalha também no jornal A BOLA e na TVI, ambos de Portugal - esteve antes no jornal O JOGO e Canal 11.

Colunista do UOL

14/04/2021 08h14

O Red Bull Bragantino não tem pressa para avançar nas conversas com os interessados na contratação de Claudinho. Procurado recentemente por RB Leipzig, da Alemanha, e Roma, da Itália, o clube de Bragança Paulista quer antes esperar pela primeira chamada do meia-atacante à seleção brasileira. Há internamente uma grande confiança na convocação.

Entrar no grupo de Tite nos próximos meses automaticamente vai aumentar o valor de mercado do jogador de 24 anos, que começou a nova temporada avaliado nos bastidores em aproximadamente 12 milhões de euros (R$ 82 milhões, na cotação atual). A ideia agora é conseguir uma transferência por pelo menos 15 milhões de euros (R$ 102 milhões) no meio do ano.

O salto na valorização do jovem camisa 10 do Toro Loko foi atingido na última edição do Brasileirão. O meia-atacante, cujo contrato atual é válido até 2024, foi eleito o craque e também a revelação da competição nacional. De quebra, dividiu ainda a artilharia com Luciano, do São Paulo - ambos marcaram 18 gols.

Cria das categorias de base do Santos, Claudinho demorou para explodir: não foi aproveitado na Vila Belmiro e, na sequência, passou sem sucesso por Corinthians, Santo André, Ponte Preta e Oeste.