PUBLICIDADE
Topo

Novo Hyundai HB20 supera Onix, Polo e outros rivais? Veja prós e contras

Siga o UOL Carros no

Alessandro Reis

Do UOL, em São Paulo

06/07/2022 04h00

O Hyundai HB20 acaba de receber uma grande atualização para manter o posto de carro de passeio mais vendido do Brasil. Além do novo visual da dianteira, que busca agradar um número maior de clientes, o compacto também recebeu mais equipamentos e manteve a parte mecânica sem alterações.

Com as mudanças introduzidas na linha 2023, que chega às concessionárias no próximo mês, como o hatch da marca sul-coreana é medido ante seus principais rivais?

O UOL Carros agora está no TikTok! Acompanhe vídeos divertidos, lançamentos e curiosidades sobre o universo automotivo.

Na mesma faixa de preço, seus concorrentes diretos são Volkswagen Polo e Fiat Argo, que estão prestes a também receber atualizações, além de Peugeot 208 e Chevrolet Onix.

Veja a seguir os prós e os contras do novo HB20 2023 contra estes hatches compactos.

Motor e câmbio

Hyundai HB20, Volkswagen Polo e Chevrolet Onix se destacam neste aspecto: em versões intermediárias e topo de linha, todos contam com motorização 1.0 turbo flex, capaz de entregar potência próxima ou igual à de antigos propulsores 2.0 e bastante torque, mesmo em baixas rotações.

Nessa configuração de motor, os três conseguem entregar uma boa combinação de desempenho e economia de combustível, com ligeira vantagem para o VW, que entrega os maiores números relativos à performance: até 128 cv e 20,4 kgfm, sempre acompanhado de câmbio automático de seis marchas.

O HB20 rende 120 cv e 17,5 kgfm, mas não deixa de agradar quem gosta de pisar um pouco mais fundo no acelerador.

Vale destacar que o Polo será atualizado neste semestre, ganhando a opção de propulsor 1.0 turbo mais manso, acompanhado de câmbio manual de cinco velocidades - será o mesmo propulsor adotado pelo Up, com foco na economia de combustível e que no subcompacto rende 105 cv e 14,7 kgfm.

Os três hatches também trazem versões 1.0 aspiradas e manuais, que priorizam a eficiência energética e o preço mais acessível, mas estão longe de empolgar ao volante.

Nesse quesito, Argo e 208 ficam atrás, pois não contam com motor turbinado: o primeiro pode ser equipado com propulsor 1.0 ou 1.3, com 75 cv e 107 cv, respectivamente.

Já o representante da Peugeot acaba de ganhar versões com o mesmo 1.0 aspirado da Fiat, que acompanham as configurações 1.6 de até 118 cve 16,1 kgfm, gerenciadas por câmbio automático.

Equipamentos

HB20 se equipara a concorrentes nas versões de entrada e intermediárias, mas supera rivais na configuração de topo - Divulgação - Divulgação
HB20 se equipara a concorrentes nas versões de entrada e intermediárias, mas supera rivais na configuração de topo
Imagem: Divulgação

O HB20 está, ao menos na versão topo de linha, bem servido no que se refere a itens de segurança e tecnologia.

O modelo acaba de ganhar seis airbags de série, contra quatro oferecidos anteriormente, e se iguala a Onix e 208 nesse quesito - o Argo tem apenas as duas bolsas infláveis obrigatórias, enquanto o Polo traz quatro.

Por outro lado, a central multimídia do Hyundai estacionou nas oito polegadas, embora tenha funcionamento rápido e conectividade sem fio via Android Auto e Apple CarPlay. Também ganhou painel de instrumentos digital, que o 208 e o Polo também têm

Polo estão na na frente quanto ao tamanho da respectiva multimídia, com telas de aproximadamente dez polegadas - um diferencial que agrada muitos clientes.

Quanto a assistentes à condução, o novo HB20, na versão Platinum Plus, supera a concorrência ao oferecer de série frenagem automática de emergência, assistente de manutenção de faixa, que esterça o volante para manter o veículo centralizado, sensor de ponto cego com frenagem automática, alerta de tráfego traseiro cruzado e outros itens.

Falta o controle de velocidade de cruzeiro adaptativo, que os rivais também não oferecem - o Polo poderá incorporar esse equipamento, de série no Nivus e na maioria das versões do T-Cross, na reestilização a ser lançada ainda neste semestre.

Na linha 2023, o HB20 recebeu, na versão topo de linha, carregamento de celulares por indução, ar-condicionado digital, farol alto automático e painel digital - item também disponível na configuração Platinum, a segunda mais cara da gama.

O Peugeot 208 também conta com esses equipamentos, mais frenagem autônoma e alerta de saída de faixa. Na configuração mais completa, supera o Hyundai ao oferecer teto solar panorâmico e faróis full-LED - embora o HB20 seja mais completo em relação às tecnologias de condução semiautônoma.

O Argo está bem distante dos demais quanto a itens tecnológicos, enquanto o Chevrolet Onix pode ser equipado com recursos como sensor de ponto cego, estacionamento semiautônomo e carregamento de celular sem fio - contudo, por conta da falta de semicondutores, tenha perdido, ao menos temporariamente, tecnologias de conectividade como Android Auto e ar-condicionado automático de série.

Design

Este item é, evidentemente, subjetivo. Podemos dizer que, com o facelift recém lançado, o HB20 ganhou visual que deverá agradar mais clientes.

Especialmente na dianteira, o hatch da Hyundai conseguiu combinar um desenho que sugere robustez e dinamismo com uma aparência mais convencional, que deve agradar um número maior de clientes.

O novo visual, portanto, tem tudo para acabar com a rejeição que o hatch tem enfrentado desde 2019, quando ganhou a frente que, para muita gente, lembra a boca de um bagre,

Dos cinco hatches citados nesta reportagem, no quesito design o Peugeot 208 merece destaque, combinando arrojo com elegância - é difícil encontrar alguém que não tenha gostado da aparência do compacto da marca francesa.

Também pesa a favor do Peugeot o painel de instrumentos elevado e o volante de raio pequeno com base achatada, que reforçam a impressão de esportividade e trazem um toque diferente ao modelo.

O Polo, por sua vez, aposta em um design mais limpo e reto, como reza a cartilha da Volkswagen, enquanto o Argo também tem no visual um atributo que merece destaque.

O Onix também agrada no quesito design, com seus faróis espichados e grade frontal arrojada e imponente.

Preço

Novo Hyundai HB20 é mais barato do que o VW Polo e hoje traz mais equipamentos de série nas versões de topo - Divulgação - Divulgação
Novo Hyundai HB20 é mais barato do que o VW Polo e hoje traz mais equipamentos de série nas versões de topo
Imagem: Divulgação

Com preços entre R$ 76.690 e R$ 114.390, o novo HB20 é ligeiramente mais barato do que o Polo e oferece vários equipamentos que não existem no concorrente.

Por outro lado, o compacto da Hyundai é mais caro do que um dos seus principais rivais - o Chevrolet Onix, hoje comercializado por preços começando abaixo de R$ 74 mil e chegando a cerca de R$ 106 mil na configuração de topo.

Já o Peugeot 208 ganhou preço muito competitivo nas novas versões de entrada, equipadas com o mesmo motor 1.0 do Fiat Argo e que partem de pouco mais de R$ 70 mil em promoções - é hoje o modelo mais barato da sua categoria.

O Fiat Argo também se destaca quando aos preços, entre R$ 74.490 e R$ 84.690, mas oferece menos equipamentos e recursos - sem contar que ainda não oferece opções com motor turbo, mais eficientes e que também andam mais.

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.