PUBLICIDADE
Topo

Pedala

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Giro D'Itália, tradicional prova do ciclismo mundial, estreará no Brasil

Atleta argentino Francisco Chamorro durante reconhecimento de percurso, em Campos do Jordão - Arquivo pessoal
Atleta argentino Francisco Chamorro durante reconhecimento de percurso, em Campos do Jordão Imagem: Arquivo pessoal
Conteúdo exclusivo para assinantes
Diego Salgado

Repórter do UOL desde 2015, com passagens por Estadão e Portal 2014. Ciclista há 20 anos na cidade de São Paulo, já pedalou por 10 países e atravessou sozinho a América do Sul e a Europa. A Oceania é o próximo desafio.

31/01/2022 21h22

O Brasil voltará a ser palco de mais uma tradicional prova do ciclismo mundial. No próximo dia 3 de abril, Campos do Jordão, em São Paulo, receberá o Giro D'Itália, destinado também aos ciclistas amadores. O evento será na Serra da Mantiqueira, com duas opções de trajeto: de 110 e 63 quilômetros.

"O Giro d'Italia Ride Like a Pro leva em seu DNA o máximo de uma experiência ao ciclista amador comparado ao profissional que compete no Giro d'Itália. Escolhemos a Serra da Mantiqueira justamente por favorecer na construção dessa vivência esportiva", disse Fábio Oliveira, sócio-diretor do projeto no Brasil.

Grande parte do percurso será em estradas e rodovias pavimentadas. A fim de garantir a segurança dos ciclistas, elas serão fechadas e bloqueadas. Como acontece no Giro D'Itália, haverá também trechos de gravel (chão batido).

O trajeto de 110 quilômetros terá 2.650 metros de altimetria, enquanto o caminho de 63 quilômetros registrará 1.350 metros. Na parte mais difícil, os atletas terão de encarar os desafios do trecho de sete quilômetros na Serra do Paiol com inclinações de 13% a 24%. Os percursos passarão ainda por trechos nas belas cidades de Santo Antônio do Pinhal, Sapucaí Mirim e São Bento do Sapucaí.

"Serão percursos em uma região rica em montanhas desafiadoras, visual paradisíaco e, acima de tudo, passagens com inclinações com características similares as montanhas italianas, como por exemplo, a Serra do Paiol", completou Fábio Oliveira

Por questões de segurança e logística, o evento será limitado para 2.500 atletas amadores, maiores de 18 anos. As inscrições estão abertas e podem ser feitas por meio do site oficial do evento.