Topo

Blocos de rua


Daniela Mercury arrasta 500 mil no encerramento do Carnaval de SP

Jussara Soares

Colaboração para o UOL, em São Paulo

05/03/2017 17h57

Daniela Mercury arrastou uma multidão por mais de seis horas na despedida do Carnaval de 2017 em São Paulo. De acordo com os organizadores, o público estimado é de 500 mil pessoas no bloco Pipoca da Rainha, entre o início da Rua Consolação e Praça Roosevelt. As ruas paralelas, como Matias Aires, Maceió e outras do entorno, ficaram lotadas.

O cortejo começou às 16h. No repertório, sucessos de Daniela como "O Canto da Cidade" e "Rapuzel", além de outros hits do Carnaval baiano, como "Milla", "Crença e Fé", "Prefixo de Verão" e "We Are Carnaval". A cantora, que abriu a festa com "Swing da Cor", também fez sua versão para "Tempo Perdido", da Legião Urbana, e puxou algumas marchinhas.

"Eu não poderia ficar fora do Carnaval de São Paulo. Quero estar sempre no carnaval de São Paulo", disse Daniela, no início do percurso. A baiana também celebrou os 30 anos de "Faraó, divindade do Egito".

Durante o trajeto, a cantora convocou um apitaço contra o assédio. "Esse é o apito do respeito. A coisa mais maravilhosa são as mulheradas empoderadas", disse a artista. Uma ação do patrocinador distribuiu 18 mil apitos.

Chuva forte e trovoadas começam a dispersar a multidão no início da noite. Para os mais empolgados, no entanto, a chuva veio para lavar a alma após o maior carnaval de rua da cidade. Debaixo de chuva, Daniela seguiu com o show e cantou "Suíte do Pescador".

"Está pensando que é fácil assim? Tem que dançar debaixo da chuva.. Aqui é a rainha da macumba, aqui é a rainha gay. São Paulo está linda e ninguém vai tirar isso da gente", disse a artista.

Pouco antes das 20h, tropas da Polícia Militar começaram a chegar no bloco para organizar a dispersão. Começou uma briga entre duas meninas e um empurra-empurra, que a PM dispersou com spray de pimenta. Vários foliões também passaram mal e foram atendidos no local - alguns carregados em maca até a ambulância.

Para desfilar em São Paulo, o Pipoca da Rainha pagou uma taxa de R$ 240 mil imposta pela prefeitura para blocos de fora. Com a desistência de outros artistas baianos, como Carlinhos Brown, chegou a se falar em um valor menor. No entanto, o valor integral foi pago pelos patrocinadores.

Sob aplausos e gritos de "eu te amo", Daniela Mercury encerrou o bloco às 22h15 cantando o " O Canto da Cidade". O término ocorreu 15 minutos após o limite estipulado pela Prefeitura na região central, que era às 22h. Após o show, Daniela beijou a mulher e empresária Malu Verçosa no trio e foi ovacionada pelo público.